II Mês da Fantasia: O Protegido - Ciclo das Trevas #01

Autor: Peter V. Brett
Título original: The Warded Man
Tradução: Petê Rissatti
Série: Ciclo das Trevas
Editora: DarkSide
Páginas: 520
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa


Sinopse: Eleito um dos dez melhores romances fantásticos da nova geração pela Amazon UK, O Protegido é uma genuína fantasia dark.
A humanidade entregou a noite aos terraítas e são poucos os que ainda conseguem se esconder atrás das proteções mágicas, rezando para que elas os conduzam para mais um dia. Conforme os anos passam, as distâncias entre as pequenas vilas se aprofundam. Parece que nada pode deter os demônios ou aproximar a humanidade novamente.
Arlen, Leesha e Rojer, crianças nascidas nesses pequenos vilarejos hoje isolados, não se conformam com essa situação. Um mensageiro ensina ao jovem Arlen que o medo, mais que os demônios, tem paralisado a humanidade. Leesha vê a sua vida perfeita ser destruída por uma simples mentira e se torna uma coletora de ervas para uma velha mulher, mais temida que os demônios da noite. E a vida de Rojer muda para sempre quando um menestrel viajante chega à sua cidade e toca seu violino.
Mas estes três jovens carregam algo em comum. São todos teimosos, que não se rendem à realidade imposta a eles e sabem que há muitos segredos e mistérios no mundo além do que lhes contaram. Para descobrir isso, eles terão que se arriscar, abandonar suas proteções seguras e encarar os demônios.
Juntos, os três podem oferecer à humanidade uma última, e fugaz, chance de sobrevivência.
A impressionante estreia de Peter V. Brett – um dos mais aclamados autores de fantasia dos últimos anos – é uma aventura fantástica que cativa e emociona o leitor ao conduzi-lo a um mundo de demônios, escuridão e heróis. Uma bela metáfora sobre o medo e como precisamos confrontá-lo todos os dias para não deixar que ele nos domine e conduza a nossa vida.

O Protegido, primeiro livro da série Ciclo das Trevas, é um daqueles títulos que desejei por muito, muito, muito tempo. Desde o momento que a DarkSide anunciou o lançamento, eu já estava com brilho nos olhos. Primeiramente, já fico querendo todos os livros dessa editora simplesmente pelo trabalho sensacional de design em cada uma das obras que publicam. Mas, confesso que o que me deixou louca para ler essa história foi a repercussão dos fãs internacionais dessa série. 
Acredito que as maiores provas de sucesso da saga são: fóruns de discussão sobre a série, um wiki online sobre o universo criado e fanfics!! A galera simplesmente pirou nessa fantasia dark e eu não podia ver a hora de entrar de cabeça nesse livro.

Escrita pelo americano Peter V. Brett, a série tem quatro livros publicados fora do Brasil, sendo que quinto tem previsão de lançamento para 2017. Já foi traduzida para mais de 30 países, mas por enquanto a DarkSide publicou apenas os dois primeiros títulos da saga, O Protegido e A Lança do Deserto.
Quero aproveitar e deixar aqui um grande parabéns para a DarkSide. Este é um dos livros mais lindos que já tive o prazer de ler! E ainda acompanha uma cartela de tattoos temporárias com os símbolos mágicos apresentados na saga para nossa diversão. 

Veja o vídeo do autor da série conhecendo a edição brasileira pela primeira vez:


O universo criado por Peter V. Brett nos mostra Thesa, ou o que restou da humanidade. São povoados pequenos e médios separados por distâncias cada vez maiores.
Isso porque demônios, chamados aqui de terraítas, emergem noite após noite para destruir e se alimentar de homens e mulheres. A única proteção descoberta até então são símbolos mágicos que criam escudos e impedem a aproximação desses seres malignos. Até então, nenhuma arma criada pela humanidade foi capaz de ferir e aniquilar esses monstros. 

#II Mês da Fantasia: O Feiticeiro de Terramar - Ciclo Terramar #01

Autora: Úrsula K. Le Guin
Editora: Arqueiro
Título Original: A Wizard of Earthsea
Tradução: Ana Resende
Série: Ciclo Terramar
Páginas: 176
Onde Encontrar:
AmazonBr | Submarino | Livraria Saraiva | Livraria Cultura

Sinopse: Há quem diga que o feiticeiro mais poderoso de todos os tempos é um homem chamado Gavião. Este livro narra as aventuras de Ged, o menino que um dia se tornará essa lenda.
Ainda pequeno, o pastor órfão de mãe descobriu seus poderes e foi para uma escola de magos. Porém, deslumbrado com tudo o que a magia podia lhe proporcionar, Ged foi logo dominado pelo orgulho e a impaciência e, sem querer, libertou um grande mal, um monstro assustador que o levou a uma cruzada mortal pelos mares solitários.
Publicado originalmente em 1968, O feiticeiro de Terramar se tornou um clássico da literatura de fantasia. Ged é um predecessor em magia e rebeldia de Harry Potter. E Ursula K. Le Guin é uma referência para escritores do gênero como Patrick Rothfuss, Joe Abercrombie e Neil Gaiman.

Olá leitores e leitoras, como vocês já sabem, estamos em mais um mês da fantasia aqui no blog. Eu amo a fantasia. Leio de tudo e mais um pouco, mas jamais deixo de voltar aos mundos que tanto amo e admiro. A fantasia tem o poder de nos levar além e para mim, uma adepta do gênero desde muito nova, pisciana e mestre de RPG, não existe prazer maior em ter em mãos um exemplar dessa temática. E então eu li o lançamento da Editora Arqueiro: O Feitiçeiro de Terramar. 

Resultado Top Comentarista de #Novembro + Top Comentarista Especial de #Dezembro


Olá leitores e leitoras! Novembro passou e nós mal conseguimos respirar! Vocês foram lindas na participação do Top, e estamos aqui para anunciar a sortuda que levará para casa O Ar Que Ele Respira e Alma? 


Agradecemos muito todas vocês e esperamos que tenham aproveitado tanto quanto nós!

Vamos lá?

Nós checamos manualmente cada resenha de novembro, as quais foram as participantes do Top.

Prestem bastante atenção para não deixar passar nenhuma resenha, pois ficamos muito tristes ao desclassificar alguém por conta de uma única postagem. Atentem-se e leiam as nossas regrinhas, ok?

Vejam a tabela das leitoras que se inscreveram e as finalistas que comentaram em todas as resenhas do mês!

Vamos lá?

#Lançamentos: Grupo Editorial Record



Olá, leitores!
Estamos quase no fim de 2016, mas o Grupo Editorial Record tem lançamentos incríveis! Aproveite para conferir alguns dos últimos títulos lançados e relançados no mês de novembro. Têm opções para todos os gostos literários. Então, aproveite para escolher algumas das novidades como suas próximas leituras!! ;)


Selo Bertrand Brasil



O Que Ela Deixou, de T.R. Richmond

Quando Alice Salmon morre, a repercussão de seu trágico afogamento pode ser encontrada nos jornais, na internet e no coração de seus entes queridos. O homem que melhor a conhece, porém, é o professor Jeremy Cooke, um acadêmico obcecado por compreender e reconstruir precisamente a existência de Alice a partir do que ela deixou para trás: seus diários, mensagens de texto e presença online. Cooke sabe que esta reconstrução se tornou uma tarefa que está lhe consumindo a vida. O que ele não sabe, porém, é quão profundamente essa busca o levará a embrenhar-se numa história de amor, perda e obsessão, na qual todos — incluindo ele próprio — têm algo a esconder.

O Ano da Lebre, de Arto Paasilinna

Este clássico da literatura escandinava foi publicado originalmente em 1975, já ganhou duas versões cinematográficas, e chega finalmente ao Brasil. Na trama, Kaarlo Vatanen, jornalista, sente-se exausto, cansado da vida urbana. Em uma noite de verão, durante seu trabalho, atropela acidentalmente uma pequena lebre que atravessava uma estrada do campo. Ele, então, sai em busca da criaturinha ferida. Este pequeno incidente se torna uma experiência transformadora para Vatanen, que decide se libertar dos grilhões do mundo: larga o emprego, deixa a esposa, vende suas posses e parte em uma jornada pelas selvas finlandesas com sua nova companhia. Suas aventuras envolvem grandes queimadas, sacrifícios pagãos, jogos de guerra, ursos assassinos e muito mais.

Dançando no Ar, de Nora Roberts

A Bertrand Brasil relança a série Trilogia da magia, de Nora Roberts com novas capas. “Dançando no ar”, primeiro volume, chega às livrarias este mês. Quando Nell Channing se muda para a encantadora Ilha das Três Irmãs, acredita ter finalmente encontrado um refúgio seguro, longe do relacionamento abusivo e da vida aterrorizadora que levava até oito meses antes. Mesmo nesse lugar silencioso e pacífico, Nell jamais se sente completamente à vontade. Exatamente no momento em que Nell começa a se perguntar se algum dia conseguirá se livrar do medo, descobre que toda a ilha está sob uma terrível maldição que só poderá ser quebrada pelas descendentes das Três Irmãs, as feiticeiras que lá se estabeleceram em 1692. Com a ajuda de duas fortes e talentosas mulheres, Nell terá que encontrar o poder para salvar a sua casa, o seu amor e até mesmo a própria vida.

#II Mês da Fantasia: Seeker - A Guerra dos Clãs

Autora: Arwen Elys Dayton
Título original: Seeker
Tradução: Lucas Peterson
Série: Trilogia Seeker
Páginas: 416 
Editora: Fantástica Rocco
Onde encontrar: AmazoBR | Saraiva | Submarino


| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Rocco

Sinopse: O livro conta a história de Quin Kincaid, uma jovem que cresceu acreditando que faria a diferença e combateria a injustiça quando se tornasse uma Seeker, seguindo o legado da família como seu pai.
 Junto de seus amigos de infância, John e Shinobu, Quin se preparou a vida inteira para seguir os passos de Briac Kincaid, seu pai e mestre. Para os garotos, os Seeker são um antigo e secreto grupo de guerreiros que há séculos combatem o mal e defendem os fracos.
 Mas nada os preparou para o choque. Ser um seeker não era como imaginavam… E agora que Quin sabe de todos os segredos, tem que decidir se continua junto da família e seus pecados ou se foge e busca a redenção…

Olá, leitoras e leitores do LOHS! Dezembro finalmente chegou e com ele, nosso segundo mês temático do ano. Senhoras e senhores, bem-vindos ao II Mês da Fantasia! Ano passado, nosso dezembro foi um sucesso, e nós adoramos tudo o que pudemos proporcionar a vocês. Para 2016, estamos planejando surpresas incríveis! Fiquem de olho, acompanhem o LOHS e não deixem de contar para seus amigos e amigas literários! 

Eu tenho a honra de abrir o Mês da Fantasia com uma resenha super especial, Seeker - a guerra dos clãs. Assim que vi o lançamento na News da Rocco, soube que o livro seria sob medida para mim: Fantasia, essa espada maravilhosa na capa, "guerra" no título já é motivo suficiente para essa ariana que vos escreve achar o livro lindo e resolver lê-lo. "Para fãs de Divergente, Jogos Vorazes e Jovens de Elite", como eu sou fã de todas essas sagas, eu aceitei!

O que eu encontrei? Muita luta, muito mistério, um pouco de romance, do qual não consigo escapar e não sei se quero, e uma protagonista, Quin, que me deixou um pouco incomodada. Apesar disso, fico feliz em constatar que existem outras personagens verossímeis, intensas e que fizeram essa leitura ser extremamente legal! Vamos lá?

Um Martíni com o Diabo

Autora: Cláudia Lemes
Editora: Empíreo
Páginas: 390
Onde Encontrar: Loja Editora Empíreo | AmazonBr | Fnac | Livraria Cultura | Livraria da Folha

| Livro cedido em parceria com a Editora Empíreo |

Sinopse: O jovem Charlie Walsh está em Las Vegas. Não para tentar a sorte, e sim para matar seu pai, um chefe da máfia italiana, Tony Conicci. O plano era infiltrar-se no restrito grupo de confiança da família Conicci e se aproximar do chefão, mas Las Vegas corrompe. E o desejo de vingança de Charlie é posto em prova quando ele se vê seduzido pelas amizades, o poder, drogas e dinheiro que a máfia oferece. Com o FBI em sua cola, e secretamente apaixonado pela enigmática esposa do pai, ele precisará decidir onde apostar sua lealdade.

Olá leitores e leitoras, no último dia de Novembro, nada melhor que uma resenha única, daquelas difíceis de escrever, por se tratar de um livro tão bom, que reflete quanto nos envolvemos com a leitura e o quão proveitosa e boa ela foi. É assim que me sinto com este livro. E finalmente terei o prazer de resenhá-lo.

De início, já adianto que Um Martíni com o Diabo é um livro muito especial pra mim. Fui convidada pela autora, Cláudia Lemes, para ser leitora beta desta obra. Eu já a admirava como escritora após ler Eu Vejo Kate e com sua narrativa, conquistar meu coração de leitora, que não se derrete por qualquer livro. Com o passar dos meses, após conhecê-la melhor, hoje a admiro imensamente como pessoa e como a autora que é, e sei o quanto ela se dedica a trazer um excelente material para seus leitores, a pesquisar cada detalhe e escrever com o coração. E isso é para poucos, vamos admitir. Sem mais delongas, vamos conhecer a fundo o gênero Noir e consequentemente (mas sem spoilers) a vida de Charlie?

No Limite da Loucura - Sombras de Londres #02

Autora: Maureen Johnson
Título original: Madness Underneath
Tradução: Sheila Louzada
Série: Sombras de Londres
Editora: Fantástica Rocco
Páginas: 304
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Rocco |

Sinopse: Uma das autoras mais queridas do público jovem na Inglaterra e nos EUA, e celebridade no Twitter, Maureen Johnson deixa sua protagonista Rory Devereaux No limite da loucura na eletrizante sequência de O nome da estrela. Depois de se envolver no misterioso caso do assassino em série que se fazia passar pelo lendário Jack, o Estripador, espalhando o medo pela capital britânica, a garota é enviada para a casa dos pais em Bristol. Mas ela não pensa duas vezes quando tem uma chance de retornar a Wexford e reencontrar os amigos. Sua volta a Londres, no entanto, revela mais sobre seus próprios poderes do que ela poderia supor e a põe no centro de uma nova – e sinistra – onda de crimes que vêm desafiando até mesmo a polícia secreta que combate os fantasmas na cidade. No segundo livro da trilogia Sombras de Londres, Rory Devereaux precisa enfrentar seus próprios medos e agir antes que seja tarde. 

No Limite da Loucura é a continuação direta de O Nome da Estrela (Resenha) e também o segundo livro da saga As Sombras de Londres, que tem quatro livros publicados lá fora. A série foi nominada a muitos prêmios bacanas, como o Edgar Award.

Os livros foram escritos pela jovem Maureen Johnson, que já publicou vários títulos de sucesso - em sua maioria nos gêneros Young Adult e Fantasia - e também fez parcerias com autores renomados como Cassandra Clare (em As Crônicas de Bane) e John Green (em Deixe a Neve Cair).

Personagens da série - Rory no centro de vermelho - , desenhados por Cassandra Jean

Em O Nome da Estrela (Resenha), conhecemos a jovem Rory Deveaux, uma americana que se vê obrigada a passar seu último ano escolar na Inglaterra, já que seus resolveram tirar um ano sabático em Bristol. O colégio escolhido por Rory é o Wexford, um concorrido internato que fez parte de grandes momentos históricos ingleses. Mas Rory acabou se envolvendo no misterioso caso de um assassino em série que fingia ser o lendário Jack Estripador. Além dos problemas relacionados à escola nova e aos novos amigos, Rory descobriu alguns poderes inusitados e quase foi morta.

Agora em No Limite da Loucura, depois do dramático fim do primeiro livro da série, Rory está reclusa em Bristol, na casa de seus pais muito atentos a cada passo que dá. A garota está passando pelo stress pós-traumático da situação que viveu e está mais preocupada que nunca pois, além de enxergar fantasmas, Rory descobre que pode fazê-los desaparecer com um simples toque. E esse poder a assusta tremendamente.

O deserto dos meus olhos

Autor: Leon Idris
Publicação independente: edição, revisão e projeto gráfico por conta do autor
Páginas: 456
Blog do autor + canal no YouTube: Prelúdios

| Exemplar cedido pelo autor como cortesia para resenha |

Informações e venda direta ao leitor: leonidrisii@gmail.com

Sinopse: Rupert Lang só tem lembranças do que não viveu. Nas entrelinhas do papel em que escreve diariamente, ele busca encontrar o que restou de sua identidade perdida. O leitor de seus escritos é sua única companhia, um confidente capaz de guiá-lo de volta ao que ele foi um dia. Como um romance histórico encerrado numa única mente, o caminho a ser trilhado envolve acontecimentos não registrados nos livros de História; passagens pela corte espanhola do reinado de Isabel II, pelas ruas da Praga de Johannes Kepler e pelos corredores de um templo budista construído em um penhasco na China. Aquilo que poderia ter sido vivido e aquilo que se suspeita partir da imaginação recebem igual valor, desafiando o leitor a confiar no caos e a encontrar respostas e verdades no inverossímil – ou apesar dele.

Começo aqui dizendo o quão surpreendente é a leitura desse livro. Ok? Ok. 

Sendo um livro nacional independente, reconhece-se que é pouco conhecido ainda. O livro me chegou em mãos pelo próprio autor (obrigada, Leon), como recomendação de um amigo mútuo (obrigada, Haim). Apenas ouvindo falar sobre a obra pelo entusiasmo de tal amigo, não teria dado muita importância até que fosse, eu mesma, tirar a prova do que estaria lendo. 

Rupert Lang é a personagem principal de um livro que mescla relatos históricos, uma linha do tempo nada linear e diversos questionamentos, tanto da personagem quanto do leitor, acerca do significado da leitura. Rupert narra, e em alguns momentos, conversa com o leitor, sobre o que acontece a sua volta, seja a corte de Isabel II na Espanha do século XIX, seja com Johannes Kepler no século XVI.

Essa “confusão” de fatos não faz muito sentido ao primeiro olhar: não sabemos do que se trata, onde estamos, ou até mesmo quando estamos porque é bem possível que se perca o fio da meada. Mais para a frente, claro, a leitura se torna mais confiável e o leitor pode tentar começar a entender o enredo juntamente com Rupert, e também Benjamin, seu companheiro de viagem — às vezes estilista, às vezes criado, quase sempre um bom conselheiro e constantemente presente no desenrolar da narrativa

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook