O Mistério dos Cavalos Alados

Autora: Megan Shepherd
Título Original: The Secret Horses of Briar Hill
Tradução: Lavínia Fávero
Editora: Plataforma 21 (V&R)
Páginas: 208
Onde Encontrar:
Amazon | Livraria Cultura | Livraria Saraiva

Sinopse: Nosso mundo tem cores. Você só precisa saber onde procurar. Existem cavalos alados nos espelhos do Hospital Briar Hill – esses espelhos refletem os elegantes quartos que já pertenceram a uma princesa, mas que agora são o lar de crianças doentes. Somente Emmaline pode enxergá-los. Este é o seu segredo. Certa manhã, a menina escala o muro dos jardins abandonados do hospital e descobre algo incrível: um cavalo branco com a asa quebrada que deixou o mundo dos espelhos e invadiu a realidade. Esse cavalo branco – uma égua chamada Lume de Luar – está se escondendo de uma força sombria e sinistra: o Corcel Negro. Para Emmaline mantê-lo longe de sua nova amiga, ela precisa rodear Lume de Luar com tesouros de tons brilhantes. Mas como a menina encontrará cor em um mundo tão cinzento?

Olá leitores e leitoras! O mês está voando ou é impressão minha? De qualquer forma, muitas pessoas estão de férias e eu trouxe mais uma indicação de leitura, desta vez uma fantasia encantadora, que promete rechear o mês de folga de muitos e aumentar a lista de leitura de todos. O Mistério dos Cavalos Alados, de Megan Shepherd, me ganhou pela sua capa maravilhosa, confesso. Mas o que encontrei nas páginas dele não tem capa que se compare.

O livro narra a história da pequena Emmaline e se passa durante a Segunda Guerra Mundial, um período histórico muito delicado, tenso e carregado de emoções. A menina contraiu tuberculose (que ela mesma chama de "águas paradas" no pulmão), como muitas crianças da época e foi enviada junto a um grupo para ser tratada num hospital afastado de tudo, o hospital Briar Hill. Refugiada e doente, a pequena Emmaline passa seus dias com as outras crianças e distraindo-se com sua melhor amiga Anna, que está proibida de sequer sair da cama. Ambas gostam de desenhar juntas. Mas um dia, ao observar um dos espelhos do hospital, a garotinha veria algo que mudaria tudo. Um cavalo alado.

"Tenho um segredo.
Não vou contar para o Benny nem para os outros meninos. Eles parecem aqueles cachorros que andam pela noite, rosnando para tudo, perseguindo os gatos nas estradas de terra só pelo gosto de vê-los correr. Também não vou contar para a Anna, apesar de ela ser gentil comigo e me emprestar seus lápis de cor.
Mas vou contar para você.Este é o meu segredo: existem cavalos alados vivendo nos espelhos do Hospital Briar Hill."

Isso mesmo, um cavalo alado. Aliás, vários deles. Dentro de todos os espelhos do hospital, vivem os cavalos alados. Inicialmente, Emmaline tenta contar sobre sua descoberta, mas é desacreditada pelas outras crianças, pois ninguém possui a mesma capacidade de enxergá-los. Benny, um dos garotos, passa a implicar ainda mais com ela após este fato, até que chega a um ponto onde o garoto rouba seu raro chocolate e é quando Emmaline foge para o jardim de Briar Hill, triste e inconsolável. No jardim, ela se depara com um dos cavalos, mas desta vez ele não vive nos espelhos, ele é real. Na verdade, ela. É uma linda égua branca e está machucada.

A égua carrega um bilhete que pede encarecidamente a ela que cuide da égua, chamada Lume de Luar, e acima de tudo, a proteja das criaturas malignas que podem vir a persegui-la. Este bilhete está assinado por ninguém menos que: o Lorde dos Cavalos. A garotinha decide então cuidar da linda criatura, sem que ninguém a descubra.


Emmaline terá diversas provações para proteger Lume dos perigos de sua existência neste mundo, lidar com sua doença e com o período da guerra. Tudo isso sem sua família e com o frio inverno europeu se aproximando e deixando tudo sem cor. O que será da menina, das crianças do hospital e da criatura mágica que habita seus jardins, a égua alada?

Este livro me surpreendeu positivamente, foi uma linda leitura, cheia de metáforas, magia, aquele encantamento infantil gostoso de se ler. Não sei vocês, mas esse tipo de história me agrada muito. A fantasia e o mundo real se cruzando em uma bela história, narrada por uma garotinha que tem tudo para desistir, mas que pode nos surpreender.


A narrativa de Megan Shepherd tem tudo para ser triste, pesada e com um encerramento trágico, mas o final nos surpreende positivamente. Gostei muito das descrições, da criatividade e de observar a segunda guerra pelos olhos de uma criança, a parte realista do livro. Foi doloroso em alguns pontos, mas valeu a pena. Eu amo cavalos, então foi um ponto positivo a mais nesse livro, pra mim. Espero que deem uma chance ao Mistério dos Cavalos Alados e se deixem levar por essa fantasia leve e juvenil.

Nem preciso dizer que amei o fato de manterem a capa americana e a edição da editora Plataforma 21, o selo juvenil da V&R, está muito bem feita.


5 comentários :

  1. Oi, essa capa é linda mesmo, até quem não gosta não pode negar a beleza de um cavalo com asas.
    Eu sempre fujo de livros que se passam na guerra, a maioria tem finais tristes demais, -que se intensificam se forem contados por uma criança -, mas se você diz que surpreende positivamente eu vou acreditar.
    Ótima resenha.

    Eu estava de férias desde abril, porque a universidade tava em greve, agora que já tem data de volta os dias estão com 15 hrs no máximo, então respondendo a sua pergunta está voando pra mim também.

    ResponderExcluir
  2. Meeeu Deus que coisa mais lindaaaaa esse livro!!
    Eu qro pra ontem!
    Enredo lindo e capa maravilhosa!!
    Tá na listinha já!
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá !
    Adoro livros narrados por crianças, eles têm uma forma linda de ver o mundo !!
    O enredo de fantasia é sensacional !!

    Quero muito le-lo.

    Bjo

    ResponderExcluir
  4. Camila, que resenha mais linda, que premissa linda do livro!
    Fiquei encantada com a delicadeza.
    Está agora anotado aqui na minha wishlist e eu com certeza vou procurar um para chamar de meu.
    Mas vou demorar um pouco para ler, porque acabei de ler um livro na II Guerra Mundial e é muito para mim ter o coração partido várias vezes, hehe.
    E a capa é, realmente, muito linda!

    Beijooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  5. Gosto de historias que mostram esse período da guerra são sofrido e cruéis mas acho necessário para darmos mais valor a vida. A historia parece ser muito bonita apesar dos personagens estarem em um hospital, acho lindo cavalo ainda mais alado, vou querer ler pois gosto de historias narradas por crianças.

    ResponderExcluir

Obrigada por fazer três blogueiras felizes, seu comentário e sua opinião são muito importante pra nós! Todas as visitas e comentários serão retribuídos.

(Comentários contendo ofensas e palavras de baixo calão não serão aceitos).

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook