O Comandante de Marte - Barsoom #03

Autor: Edgar Rice Burroughs
Título original: The Warlord of Mars
Tradução: Maria Silvia Mourão Netto
Série: Barsoom
Editora: Aleph
Páginas: 248
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

Sinopse:
Após uma tentativa frustrada de encontrar um caminho para o Templo do Sol e resgatar Dejah Thoris, John Carter deve perseguir seus inimigos, que fogem em direção ao norte de Barsoom. Enfrentando perigos ainda mais extremos, ele novamente desafia a própria sorte em busca de sua amada.


O Comandante de Marte é o último livro da série Barsoom publicada no Brasil pela editora Aleph. Por mais que me doa dizer isso, por conta das baixas vendas da trilogia sobre John Carter há o risco dos outros títulos nem chegarem ao Brasil! :(
Para quem não conhece a série, devo explicar que os três primeiros livros (Uma Princesa de Marte, Os Deuses de Marte e O Comandante de Marte) têm como foco a grande aventura que é a vida de John Carter. Os outros volumes alternam o foco para os filhos de John Carter e futuramente para outros personagens sem ligação com o herói terráqueo.

Edgar Rice Burroughs
A série Barsoom se completa com oito títulos escritos por Edgar Rice Burroughs, mesmo criador de Tarzan, e mais duas obras extras criadas por seu filho, John Coleman Burroughs. Publicado originalmente entre 1913 e 1914, O Comandante de Marte fecha a incrível aventura de John Carter no árido planeta Marte.

Em Uma Princesa de Marte (Resenha), conhecemos o capitão da Virgínia, John Carter, que viaja de uma forma inesperada para Marte. Por conta do efeito da gravidade, nosso protagonista se torna um homem extremamente forte e ágil. O capitão Carter conhece primeiramente os marcianos verdes que logo lhe ensinam de uma forma dura o que é necessário para sobreviver nesse planeta inóspito. Mas assim que coloca os olhos em Dejah Thoris, uma marciana vermelha e princesa de Helium, John Carter se apaixona perdidamente e jura proteger a princesa com a própria vida.

Além - Mundos

Autor: Scott Westerfeld
Título Original: After Worlds
Tradução: Giu Alonso
Editora: Galera Record
Páginas: 564
Onde Encontrar: AmazonBr | Livraria Cultura | Livraria Saraiva


| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record |
Sinopse: Scott Westerfeld, autor da série Feios, retorna em mais uma aventura de tirar o fôlego.
Darcy Patel escreveu seu primeiro livro em um mês. Não muito tempo depois, se mudou para Nova York, para realizar o sonho de viver de escrever. Lizzie se prepara para mais uma viagem de avião, até terroristas invadirem o aeroporto e começarem a atirar em todos. Desesperada, Lizzie se joga no chão. Eu estou morta, eu estou morta... No fim, está tão convencida de pertencer ao lugar dos mortos que acaba atravessando a fronteira do além-mundo. Darcy criou Lizzie. A menina de Além-mundos é sua protagonista. Enquanto Lizzie se vê cada vez mais envolvida nos assuntos dos mortos e do submundo, Darcy luta para se manter no paraíso do YA, na Big Apple, e quanto mais Darcy aprende e amadurece, mais a história de Lizzie também cresce. Ou seria o contrário? Sempre atravessando as barreiras entre mundos, as duas irão se redescobrir, se reescrever e explorar os infinitos mundos dentro de si mesmas.

Vou iniciar esta resenha já adiantando que Além-Mundos é um livro diferente de tudo o que eu já li, e aposto que também é diferente de tudo que vocês já leram também. Neste livro, temos a oportunidade de ler uma história dentro da história. É isso mesmo! Temos duas protagonistas, vivendo em mundos completamente diferentes, e desta forma, alternando as narrativas entre duas temáticas distintas: a fantasia e a realidade.

Como isso seria possível? Bem, vou explicar melhor já já, sem spoilers, claro! :)

A primeira história narra a vida de Darcy Patel. Ela é uma jovem recém saída do colégio, que acabou de escrever seu primeiro livro e que assinou um contrato de publicação para o mesmo em uma grande editora em Nova York. Sua família é indiana e seus pais temem por seu futuro como escritora, adiando os planos da faculdade para finalizar, revisar e promover seu livro no próximo ano, e com isso, se mudar para a cidade dos sonhos e das artes. Mas a jovem Darcy só tem um objetivo, publicar Além-Mundos, e começar a trabalhar no segundo livro, já prometido a editora.

Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar - Os Números do Amor #01

Autora: Sarah MacLean
Título original: Nine Rules to Break When Romancing a Rake 
Tradução: Fabiana Colasanti
Série: Os Números do Amor
Editora: Arqueiro
Páginas: 384
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa


Sinopse: A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.
E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.
Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.
Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.

Confesso aqui que já estava sentindo falta de ler um bom romance de época - até porque só tinha lido fantasias, ficções e romances contemporâneos nos últimos tempos. Eis que fui checar minha prateleira de livros não lidos e aproveitei para me divertir com Nove Regras a Ignorar antes de se Apaixonar - título que tinha desejado muito desde antes do lançamento no Brasil. O livro entrou nas listas de mais vendidos dos principais veículos americanos, além de ser escolhido como um dos dez melhores romances de época do ano em seu lançamento.

Sarah MacLean
Publicado pela editora Arqueiro, o livro faz parte da série Os Números do Amor - já com previsão de publicação de mais duas obras nos próximos meses. Escrito por Sarah MacLean, reconhecida por seus romances de época, a autora faz um tremendo fora do Brasil e é constantemente elogiada por críticas e outras autoras do gênero - como Julia Quinn (Os Bridgertons) e Lisa Kleypas (As Quatro Estações do Amor e Os Hathaways).

A autora já é conhecida no Brasil pela série O Clube dos Canalhas, contando com quatro livros publicados pela editora Gutenberg. Infelizmente não tive ainda a oportunidade de conferir essa saga e por isso Nove Regras a Ignorar antes de se Apaixonar foi meu primeiro contato com as obras de Sarah MacLean. E não poderia estar mais satisfeita!

O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias

Autor: Douglas Adams
Título original: The Ultimate Hitchhiker's Guide to the Galaxy
Tradução: Carlos Irineu da Costa, Marcia Heloisa Amarante Gonçalves e Paulo Henrique Britto
Editora: Arqueiro
Páginas: 672
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino


| Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro


Sinopse: Pela primeira vez, reunimos em um único volume os cinco livros da cultuada série O Mochileiro das Galáxias, de Douglas Adams. Com mais de 15 milhões de exemplares vendidos, a saga do britânico esquisitão Arthur Dent pela Galáxia conquistou leitores do mundo inteiro. O humor ácido e as tramas surreais de Douglas Adams se tornaram ícones de uma geração e seguem fascinando – e divertindo – leitores de todas as idades. Pegue sua toalha, embarque nessa aventura improvável e, é claro, não entre em pânico! 
O Guia do Mochileiro das Galáxias Segundos antes de a Terra ser destruída para dar lugar a uma via expressa interespacial, Arthur Dent é salvo por Ford Prefect, um E.T. que fazia pesquisa de campo para a nova edição de O Guia do Mochileiro das Galáxias. Pegando carona numa nave alienígena, os dois dão início a uma alucinante viagem pelo tempo e pelo espaço.
O Restaurante no Fim do Universo Arthur Dent e seus quatro estranhos companheiros viajam pela Galáxia a bordo da nave Coração de Ouro, em uma busca desesperada por algum lugar para comer. Depois de fazer a refeição mais estranha de suas vidas, eles seguem pelo espaço e acabam descobrindo a questão sobre a Vida, o Universo e Tudo Mais. 
A Vida, o Universo e Tudo Mais Arthur Dent passou os últimos cinco anos abandonado na Terra pré-histórica, mas ainda acordava todos os dias com um grito de horror. No entanto, talvez fosse melhor continuar nessa tediosa rotina do que ser arrastado para a sua próxima missão- salvar o Universo dos temíveis e infelizes robôs xenófobos do planeta Krikkit.
Até Mais, e Obrigado Pelos Peixes! Depois de viajar pelo Universo, ver o aniquilamento da Terra, participar de guerras interestelares e conhecer criaturas extraordinárias, Arthur Dent está de volta ao seu planeta. E tudo parece estranhamente normal – exceto pelo desaparecimento dos golfinhos. Disposto a desvendar esse mistério, ele parte em uma nova jornada.
Praticamente Inofensiva Após muitos anos vivendo separados, cada um em um canto mais insondável do Universo, Arthur Dent, Ford Prefect e Tricia McMillan se reencontram. Mas o que deveria ser uma festejada reunião de velhos amigos se transforma numa terrível confusão que põe em risco – mais uma vez – a vida de todos.

Essa é uma daquelas séries de que você sempre ouve falar e tem curiosidade para ler, mas que não tem certeza ainda se deve ou não investir seu tempo. Bom, eu vim aqui para convencer você a cruzar a linha entre o não sei se quero e o com certeza vou ler.

Antes, preciso confessar que eu mesma não tinha dado essa chance à série. Desde meus 13 anos já conhecia por nome, sabia que tinha se tornado referência nerd clássica e tinha a curiosidade; afinal, o que significa 42? Como uma toalha pode ser uma ferramenta de sobrevivência? E por que diabos o personagem principal está de roupão?

Por incentivo (e muito, por sinal) do meu melhor amigo, finalmente arrisquei e aproveitei a chance proporcionada pela Editora Arqueiro para descobrir as respostas para as minhas perguntas.

A série gira em torno da vida de Arthur Dent, um humano comum, britânico, obcecado por chá e um pouco distraído, de seu amigo Ford Prefect e as aventuras que se desencadeiam após a destruição do mundo por uma raça alienígena bem pouco amigável: com o objetivo de criar uma via expressa interespacial, os Vogons iniciam a demolição do planeta, apesar da surpresa dos habitantes dele.

— Como assim nunca estiveram em Alfa do Centauro? Ora bolas, humanidade, fica só a quatro anos-luz daqui! Desculpem, mas se vocês não se dão ao trabalho de se interessar pelas questões locais, o problema é de vocês. — Após uma pausa disse: — Energizar os raios demolidores.
Das Escotilhas saíram fachos de luz.
— Diabo de planeta apático — disse a voz. — Não dá nem pra ter pena.
P. 25

Namorado de Aluguel

Autora: Kasie West 
Título original: The fill-in boyfriend
Tradução: Débora Isidoro
Editora: Verus
Páginas: 252
Onde encontrar: AmazonBr | Saraiva | Submarino 

Sinopse: Quando Bradley, o namorado de Gia Montgomery, termina com ela no estacionamento do baile de formatura, ela precisa pensar rápido. Afinal, ela vem falando dele para suas amigas há meses. Esta era para ser a noite em que ela provaria que ele não é uma invenção de sua cabeça. Então, quando vê um garoto esperando pela irmã no estacionamento do baile, Gia o recruta para ajudá-la. A tarefa é simples: passar por namorado dela — apenas duas horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas. Depois disso, ela pode tentar reconquistar o verdadeiro Bradley. O problema é que, alguns dias depois do baile, não é em Bradley que Gia está pensando, mas no substituto. Aquele cujo nome ela nem sabe. Mas localizá-lo não significa que o relacionamento de mentira deles acabou. Gia deve um favor a esse cara, e a irmã dele tem a solução perfeita: a festa de formatura da ex-namorada dele — apenas três horas, nenhum compromisso, algumas mentirinhas. E, justamente quando Gia começa a se perguntar se pode transformar seu namorado falso em real, Bradley reaparece, expondo sua farsa e ameaçando destruir suas amizades e seu novo relacionamento.

Esse é o tipo de livro que você lê muito rápido porque só quer que a história termine. Yep. Para ler Namorado de aluguel, e não se arrepender, tenha em mente de que você não encontrará nada profundo aqui. Será o completo oposto, na verdade. A trama é previsível; as personagens estão vivendo conflitos de ensino médio e só. Sério, a gente era assim com 17 anos? Ler este livro me deu alguma perspectiva. Sabe aqueles momentos em que você para e pensa: "Puxa vida, ainda bem que eu não estou mais no ensino-médio". Se você está, não se preocupe, leia livros que te ajudem. Mas, não. Não esse aqui.
"Como as pessoas saberiam quem eu era, se nem eu mesma sabia?" Gia, p. 125

#Sorteio Especial: Harry Potter e a Pedra Filosofal - Edição Ilustrada


Olá leitoras e leitores!! Continuando as nossas comemorações de aniversário, trouxemos um sorteio super especial para vocês: um exemplar lindo e maravilhoso da nova edição de Harry Potter e a Pedra Filosofal, lançada recentemente pela Editora Rocco. Ela é ilustrada por Jim Kay, em capa dura, cheia de detalhes e muito especial. Quer essa beldade na sua estante? É muito simples! Basta participar do nosso sorteio, uhul! :P

Boa sorte a todos! E obrigada por 2 anos tão lindos quanto essa edição.

O Leão Ferido - Signos do Amor #02

Autora: Mia Sheridan 
Título original: Leo’s Chance
Tradução: Ana Rodrigues
Série: Signos do Amor
Editora: Arqueiro
Páginas: 240
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa


Sinopse: Cada livro da coleção Signos do Amor é inspirado nas características de um signo do Zodíaco. Esta história se baseia na mitologia de Leão e fala sobre as segundas chances que a vida nos dá.
Leo se apaixonou por Evie quando os dois ainda eram crianças, no lar adotivo temporário em que viviam. No futuro difícil que parecia guardado para ele, a única certeza de seu coração era que nada jamais o afastaria daquela garota.
Mas, na adolescência, ele foi adotado e teve que se mudar para outra cidade. Durante oito anos eles ficaram afastados contra a vontade e, nesse tempo, Leo precisou superar muitos obstáculos – sobretudo os problemas criados pela mãe adotiva – para se tornar o homem que merecesse Evie e pudesse finalmente buscá-la.
O reencontro, porém, não foi fácil e Leo teve que se esforçar para se reaproximar de Evie, reconquistar seu amor e, com sua ajuda, deixar para trás toda a tristeza de uma infância de abandono.
Em O coração do leão, Evie narrou seu lado desse romance. Agora, em O leão ferido, é a vez de Leo contar tudo o que lhe aconteceu e revelar o desfecho dessa história de amor.

Começarei o texto explicando que aqui no #LOHS optamos por nomear a ordem dos livros da série Signos do Amor de acordo com a publicação original e não seguimos a sequência da editora Arqueiro, responsável pela séria no Brasil. 

Assim sendo, O Leão Ferido é o segundo livro publicado pela autora Mia Sheridan. Lembrando que apenas o primeiro, O Coração do Leão (Resenha), e este segundo título são relacionados e precisam ser lidos na sequência. Todos os outros livros são únicos e não apresentam nenhuma conexão entre si, podendo ser lidos na ordem que preferir - ou, quem sabe, de acordo com o signo preferido! ;)

O Coração do Leão e O Leão Ferido são inspirados no signo do Leão

O Trono das Sombras - Trilogia do Reino #03

Autora: Jennifer A. Nielsen
Título Original: The Shadow Trone
Tradução: Fal Azevedo
Série: Trilogia do Reino
Editora: Verus Editora
Páginas: 266
Onde Encontrar: AmazonBr | SubmarinoLivraria Saraiva

Sinopse: Uma guerra. Várias batalhas mortais. Pode um rei salvar seu reino, quando sua própria sobrevivência é improvável? A guerra chegou a Carthya. Ela bate em cada porta e janela. E quando Jaron descobre que o Rei Vargan de Avenia rapta Imogen em um plano para colocar Carthya de joelhos, Jaron sabe que deve embarcar em uma ousada missão de resgate. Mas tudo que poderia sair mal acontece. Seus amigos são afastados e estão por toda Carthya e reinos vizinhos. Em um último esforço para evitar o que aparenta ser a perda devastadora de um reino, Jaron empreende sua última jornada para salvar tudo e a todos que ama. Mas mesmo com sua sagacidade rápida como um raio, Jaron não pode evitar o terrível perigo que mira ele e seu país. Ao longo do caminho, ele vai perder o que mais importa? E no final, quem se sentará no trono de Carthya?

Chega ao fim mais uma trilogia em minha vida. A Trilogia do Reino, escrita por Jennifer A. Nielsen e publicada pelo selo Verus do Grupo Editorial Record, tem um lugar especial no meu coração. Minha primeira resenha aqui no blog, em julho de 2014, foi do livro O Falso Príncipe, o primeiro volume. E tecnicamente resenhei um livro por ano, uma bela coincidência. De qualquer forma, estou muito feliz com esse ciclo que se fecha, e também ao observar minha evolução no blog, na qualidade da escrita, na forma de escrever, em tudo.

Vamos recapitular um pouco dos dois primeiros volumes, sempre sem spoilers para não estragar a leitura de ninguém. No primeiro livro, somos apresentados ao jovem Sage, um menino de rua que vive como ladrão, e que esconde um segredo incrível. Na verdade, Sage é um dos príncipes do reino de Carthya, desaparecido e que foi dado como morto quatro anos antes. O rei Eckbert e a rainha Erin têm como herdeiro seu primeiro filho, Darius, mas quando toda a família real é assassinada, o reino entra em colapso político e sofre diversas ameaças.

Frozen - Mundo de Gelo, Coração de Fogo #01

Autores: Melissa de La Cruz e Michael Johnston
Título original: Frozen
Tradução: Ludimila Hashimoto
Série: Heart of Dread
Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 308
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino

| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record |

Sinopse: A autora best-seller do New York Times Melissa de la Cruz e Michael Johnston apresentam o primeiro volume da série Mundo de Gelo, Coração de Fogo. Bem-vindo a Nova Vegas, uma cidade antes repleta de brilho, agora coberta de gelo. Com grande parte do planeta agora destruído, o lugar só conhece uma temperatura: a congelante. Lá encontramos Natasha Kestal, uma jovem crupiê à procura de uma saída. Como muitos, ela ouviu falar de um lugar mítico simplesmente chamado de Azul, um paraíso onde o sol ainda brilha e as águas são azul turquesa — e um lugar onde Nat e seus semelhantes não serão perseguidos, mesmo que seu segredo mais obscuro venha à tona. Mas o caminho para o Azul é traiçoeiro, senão impossível de atravessar, e sua única chance é apostar em um grupo de mercenários liderados pelo arrogante Ryan Wesson para conduzi-la a seu destino. Ciladas e perigos os aguardam em cada esquina, à medida que Nat e Wes se veem inexoravelmente atraídos um pelo outro. Mas seria possível o amor verdadeiro sobreviver a mentiras? Corações em chamas colidem nesta trama sobre a maldade do homem e o incrível poder que existe dentro de cada um de nós.

Senti saudade das distopias. Claro, depois de todo o boom que tivemos, com Jogos Vorazes, Divergente, Doador de Memórias, Maze Runner e mais todas as outras que brotaram naquela época. Depois dessa overdose, e de um tempo sem ler nada do gênero, eu descobri que ainda existe espaço pra criatividade, e muito. 

Frozen: Mundo de Gelo, Coração de Fogo foi uma surpresa pra mim justamente por ter sido diferente de tudo o que eu já li — inclusive no gênero. Em um mundo destruído por desastres naturais e completamente poluído, controlado por militares e com um povo submisso à ditadura restrita instaurada, a situação é crítica para a população sobrevivente: dinheiro não é mais uma coisa comum, e as pessoas farão o que puderem para conseguir o mínimo de sustento.

O foco é Nova Vegas, a capital dos cassinos, agora parcialmente em ruínas e centro de apostas para quem puder e quiser se arriscar. Nat, uma crupiê, é a personagem principal, e é a sua trajetória que acompanharemos nessa nova série. 

Mas os Estados Unidos não eram o que haviam sido um dia — não era à toa que todos os chamavam de “Estados Restantes da América”. ERA: um punhado de estados sobreviventes, afora a máquina militar que não parava de derrotar novos terrenos, o país não tinha mais nada e estava com o corpo e a alma penhoradas para seus devedores.
P. 25

#Sorteio de Aniversário - Livros: Ontem, Hoje e Sempre - 2 Anos!


Chegamos ao segundo ano do blog! Neste novo ano tivemos algumas mudanças e muuuuitas conquistas. Gostaríamos, primeiramente, de agradecer a todos os visitantes do blog nesses 2 anos, aos leitores, a quem nos segue nas redes sociais e está sempre acompanhando nosso trabalho. Estamos muito felizes com mais este ano e com nossas realizações com o #LOHS. De modo a retribuir todo o carinho, convidamos algumas editoras e muitos blogs amigos para participar da nossa festinha e do nosso #Sorteio de Aniversário. São 5 Kits de livros

Obrigada a todos, editoras parceiras, blogs amigos, autores nacionais e internacionais que fazem nosso trabalho ter sentido e principalmente nossos leitores e leitoras! Amamos muito tudo isso. Espero que gostem do sorteio e boa sorte a todos! :)

O Ano em que Disse Sim

Autora: Shonda Rhimes
Título original: Year of Yes
Tradução: Mariana Kohnert
Editora: BestSeller
Páginas: 256
Onde encontrar: AmazonBr | Saraiva | Submarino

| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record

Sinopse: Você nunca diz sim para nada. Foram essas seis palavras, ditas pela irmã de Shonda durante uma ceia de Ação de Graças, que levaram a autora a repensar a maneira como estava levando sua vida. Apesar da timidez e introversão, Shonda decidiu encarar o desafio de passar um ano dizendo sim para as oportunidades que surgiam. Os sins iam desde cuidar melhor de sua saúde até aceitar convites para participar de talk shows e discursos em público. Além disso, Shonda deu um difícil passo: dizer sim ao amor próprio e ao seu empoderamento. Em O Ano em que disse sim, Shonda Rhimes relata, com muito bom humor, os detalhes sobre sua vida pessoal, profissional e como mergulhar de cabeça no Ano do Sim transformou ambas e oferece ao leitor a motivação necessária para fazer o mesmo em sua vida.
A Record garantiu a publicação dessa maravilhosidade no Encontro de Parceiros e desde então espero por esse lançamento. Assim que ele chegou, passei-o na frente de vários livros e me sentei confortavelmente para estar perto da escrita envolvente da Shonda, agora de uma forma diferente.



Para quem não sabe quem é essa mulher (por favor, faça um favor a si mesmo e vá assistir Grey’s Anatomy), aqui vai uma pequena apresentação. Ela é dona da quinta-feira na TV americana, é produtora executiva e escritora das séries Grey’s Anatomy, Scandal e How to get away with murderer. (São todos maravilhosos, sugiro que assistam todos, se puderem). Ela ganhou diversos prêmios (desde 2005) e é doutora honorária por duas universidades. Basicamente, Shonda Rhimes é maravilhosa. E agora ela lançou um livro. O que você está esperando para lê-lo? 
“Cada ‘sim’ muda algo em mim. Cada ‘sim’ é um pouco mais transformador. Cada ‘sim’ inicia uma nova fase de evolução.”, p. 130

Super elogiado pela crítica (como já era esperado), O Ano em que disse Sim não é ficção, por mais que o trabalho de Shonda seja inventar histórias. Esse livro é um relato de experiência. É um guia para ajudar você, leitor, de toda e qualquer forma possível. Porque essa é a magia da Shonda: não importa quem você seja, por qual situação esteja passando: ela terá palavras para oferecer a você. Com uma narrativa ágil, envolvente e descontraída, Rhimes nos leva para uma das melhores leituras que eu fiz em 2016! 

#Especial: Livros para ler nas férias!


Olá, leitores!!!

Julho chegou trazendo férias para alguns sortudos e por isso pensamos em indicar alguns títulos que nós, do #LOHS, adoramos para vocês! :)
Esperamos que gostem deles tanto quando nós! 


Romance de Época | Romance Histórico


Segredos de Uma Noite de Verão, de Lisa Kleypas
Sinopse: Apesar de sua beleza e de seus modos encantadores, Annabelle Peyton nunca foi tirada para dançar nos eventos da sociedade londrina. Como qualquer moça de sua idade, ela mantém as esperanças de encontrar alguém, mas, sem um dote para oferecer e vendo a família em situação difícil, amor é um luxo ao qual não pode se dar.
Certa noite, em um dos bailes da temporada, conhece outras três moças também cansadas de ver o tempo passar sem ninguém para dividir sua vida. Juntas, as quatro dão início a um plano: usar todo o seu charme e sua astúcia feminina para encontrar um marido para cada, começando por Annabelle.
No entanto, o admirador mais intrigante e persistente de Annabelle, o rico e poderoso Simon Hunt, não parece ter interesse em levá-la ao altar – apenas a prazeres irresistíveis em seu quarto. A jovem está decidida a rejeitar essa proposta, só que é cada vez mais difícil resistir à sedução do rapaz.
As amigas se esforçam para encontrar um pretendente mais apropriado para ela. Mas a tarefa se complica depois que, numa noite de verão, Annabelle se entrega aos beijos tentadores de Simon... e descobre que o amor é um jogo perigoso.

Por que deve ler?

Lisa Kleypas é uma autora maravilhosa e uma das minhas favoritas no gênero de romance de época. Segredos de Uma Noite de Verão, primeiro livro da série As Quatro Estações do Amor, foi o título que lançou a escritora ao estrelato e também que lhe rendeu alguns prêmios de literatura (na categoria romance de época).
As personagens de Lisa muito dificilmente são comuns, elas sempre carregam uma peculiaridade que na época era sempre considerado um defeito. Além disso, seus protagonistas normalmente figuram à margem da sociedade aristocrática britânica da época. Ou seja, ela nos conta sobre os “indesejados” que estão em busca do amor, como, no caso da série As Quatro Estações do Amor, as solteironas. Mulheres lindas e inteligentes que, por falta de dinheiro ou devido à sua origem, eram deixadas de lado, ignoradas, e não tinham muitas chances de encontrar a felicidade na vida.
É com certeza um daqueles livros que amantes do gênero devem ler pelo menos uma vez na vida! ;)

A Irmandade Perdida

Autora: Anne Fortier
Título original: Lost Sisterhood
Tradução: Fernanda Abreu
Editora: Arqueiro
Páginas: 528

| Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro

Sinopse: Diana Morgan é professora da renomada Universidade de Oxford. Especialista em mitologia grega, tem verdadeira obsessão pelo assunto desde a infância, quando sua excêntrica avó alegou ser uma amazona – e desapareceu sem deixar vestígios.
No mundo acadêmico, a fixação de Diana pelas amazonas é motivo de piada, porém ela acaba recebendo uma oferta irrecusável de uma misteriosa instituição. Financiada pela Fundação Skolsky, a pesquisadora viaja para o norte da África, onde conhece Nick Barrán, um homem enigmático que a guia até um templo recém-encontrado, encoberto há 3 mil anos pela areia do deserto.
Com a ajuda de um caderno deixado pela avó, Diana começa a decifrar as estranhas inscrições registradas no templo e logo encontra o nome de Mirina, a primeira rainha amazona. Na Idade do Bronze, ela atravessou o Mediterrâneo em uma tentativa heroica de libertar suas irmãs, sequestradas por piratas gregos.
Seguindo os rastros dessas guerreiras, Diana e Nick se lançam em uma jornada em busca da verdade por trás do mito – algo capaz de mudar suas vidas, mas também de despertar a ganância de colecionadores de arte dispostos a tudo para pôr as mãos no lendário Tesouro das Amazonas.
Entrelaçando passado e presente e percorrendo Inglaterra, Argélia, Grécia e as ruínas de Troia, A irmandade perdida é uma aventura apaixonante sobre duas mulheres separadas por milênios, mas com uma luta em comum: manter vivas as amazonas e preservar seu legado para a humanidade.

A Irmandade Perdida é um livro que desejo muito desde o seu lançamento (no fim de 2015), mas não tinha tido a chance de comprá-lo ainda. Então, quando tive a oportunidade de pedir à nossa editora parceira, Arqueiro, não pensei duas vezes! E já adianto que não me arrependi nem por um segundo!!

A obra foi escrita pela dinamarquesa Anne Fortier, que também é a autora do incrível livro Julieta (Resenha), além de ter produzido um documentário que foi vencedor do Emmy, retratando a Guerra de Inverno, quando a Rússia invadiu a Finlândia em 1939 e teve seus exércitos rechaçados pelo inverno e pelos finlandeses.
Essa mulher é uma historiadora maravilhosa. Em todas as suas criações, é possível perceber o quanto Anne estudou e pesquisou para manter o máximo de verossimilhança possível com a história conhecida atualmente.

Batalha entre gregos e amazonas, obra do Museu do Vaticano

A Mestiça - Ninho de Fogo #01

Autora: Camila Deus Dará
Série: Ninho de Fogo
Editora: Arwen
Páginas: 268
Onde Encontrar: ArwenStore

| Livro cedido em parceria com a Editora Arwen |

Sinopse: Melane, uma garota de 16 anos que vive com a avó, descobre não apenas ser uma mestiça de bruxa e dragão, como também uma princesa em um mundo chamado Ninho de Fogo.
Com ajuda de seu fiel guardião David, e o pequeno Jack, o garotinho de quase 300 anos de idade, ela volta para sua terra natal, descobrindo que o lugar está se despedaçando.
Em um mundo de dragões, fadas e sereias, Melane terá que ser forte para a batalha que colocará em risco o mundo onde nasceu, enquanto tenta descobrir a quem pertence seu coração.
Uma mistura de romance, aventura, guerra e salvação é o que te espera em Ninho de Fogo!

Olá leitores e leitoras. Neste mês eu estou mergulhada, de novo, no meu gênero favorito: fantasia (eee \o/). Ao contrário da minha resenha anterior, Meio Rei, a resenha de hoje irá abordar uma fantasia bem diferente do sombrio livro do Joe. É um livro mais leve, o que, pessoalmente, gosto de chamar de "fantasia clássica". E o melhor da resenha de hoje é: a trilogia Ninho de Fogo é escrita por uma autora nacional, a Camila Deus Dará. Acho que as Camilas tem uma forte tendência para a fantasia não é? Vamos conferir o que achei de A Mestiça, o primeiro volume de Ninho de Fogo? :P

Melane, ou Mel, é uma garota comum, habitante do estado da Virgínia, nos Estados Unidos. Chamada de caipira na escola e vivendo apenas com a avó, seu maior dilema é estudar para as provas finais do colégio, e seu dia se resume a livros, passar noites animadas com sua amiga Caroline e dar carona diariamente ao seu vizinho, e melhor amigo, o jovem mecânico David. Parece uma vida pacata, até mesmo monótona, mas a garota do interior não sabe os segredos que seu sangue carrega. Que seus pais, falecidos, lhe deixaram como herança.

#Parceria: Editora Valentina + Lançamentos Julho


Olá, leitoras e leitores! Gostaríamos de informar que o Livros: ontem, hoje e sempre conseguiu mais uma parceria maravilhosa. Fomos escolhidas pela Editora Valentina para fazer parte de seus blogs amigos. E sabe o que isso quer dizer para vocês? Mais resenhas desses livros incríveis. Vocês já conferiram o trabalho da editora pelo LOHS com esses livros sensacionais! Proibido, Alma? e Malícias e Delícias. Que tal uma pequena prova do que espera por vocês em breve? 



Sobre a Editora 


É verdade, já deu para perceber, que a gente ama de paixão a literatura juvenil, mas nosso catálogo é eclético e moderno: tem diversão e cultura para quem está começando, aos 6 anos de idade, e também para quem já passou dos 100. Ah! E tem para quem quer chegar lá, certo? Tem tudo que, de alguma forma, faz da leitura um momento único e insubstituível.

A Editora Valentina tem um faro apurado para o que há de melhor no mercado editorial. Estão sempre em busca do próximo livro inesquecível, sem preconceitos ou barreiras. Seu catálogo conta com vários títulos, dos mais diversos gêneros: urban fantasy, distopia, paranormal, romances femininos, thriller, chick-lit, pets, religiosidade, biografia, bem-estar, steampunk, entre outros.

Infinito Reflexo: Um palácio para Hamid

Autora: Cris de Ávila
Editora: Empíreo 
Páginas: 55
Onde encontrar: Loja da EmpíreoSaraiva

| Livro cedido em parceria com a Editora Empíreo | 
Sinopse: “Infinito Reflexo - Um Palácio Para Hamid” é uma história inspirada na vivência de um encontro da autora, Cris de Ávila, com um menino vendedor de canetas artesanais na Índia. Em uma narrativa linda e comovente, a autora apresenta o trajeto de um garoto entusiasmado pelo mundo desconhecido. Com as ilustrações de Leonardo Guidugli, o leitor levará sua imaginação, através dos olhos de Hamid, a um mundo cheio de belas imagens.

Hoje eu trago pra vocês uma leitura um pouco diferente — e bem menos convencional, diga-se de passagem.

Esse não é um livro longo, e, honestamente, não é um livro que eu compraria se o visse em disposição nas livrarias. É uma pena, mas graças ao envio da Empíreo é que pude perceber que erro bobo seria não lê-lo. 

#Lançamentos: Novo Conceito



Olá, pessoal! Que tal aproveitar as férias com os lançamentos do Grupo Editorial Novo Conceito? São dois volumes bem diferentes um do outro, então você pode se identificar com um deles (ou até com os dois, quem sabe?) e se divertir nesse mês de julho!
Vamos lá?

A História de Nós Dois

Autora: Dani Atikins
Título original: The story of us
Tradução: Raquel Zampil
Editora: Arqueiro
Páginas: 352
Onde encontrar: AmazonBr | Saraiva | Submarino 

| Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro

Sinopse: Emma tem 27 anos, é linda e inteligente e vive cercada de pessoas que ama. Prestes a se casar com Richard, seu namorado desde a época de escola, ela não poderia estar mais empolgada.
Mas o que deveria ser o momento mais feliz de sua vida de repente vira uma tragédia. Emma sofre um acidente e é salva por um estranho minutos antes que o carro em que ela viajava explodisse.
Abalada, ela decide adiar o casamento. E nesse meio-tempo descobre segredos que a fazem questionar as pessoas nas quais sempre confiara – a ponto de duvidar se deve se casar afinal.
Para complicar, ela se sente cada vez mais ligada a Jack, o homem que a salvou e que não sai da sua cabeça. Jack é lindo, gentil e divertido, de um jeito diferente de todos que ela já conheceu. Por outro lado, é Richard quem ela sempre amou...
Uma mulher, dois homens, tantos destinos possíveis. Como essa história vai terminar?

Estava na dúvida entre ler Três coisas sobre você ou A história de nós dois. Não tinha lido nada a respeito de nenhum dos dois, mas segui meu instinto e pedi o romance de Dani Atikins. Ansiosa para saber o que Emma, Richar e Jack tinham reservado para mim, procurei algumas resenhas a respeito do livro e já estava preparada para uma história emocionante, para um conflito de sentimentos intensos e cenas fortes entre as personagens. Assim que ele chegou em minhas mãos, comecei a lê-lo e imaginem qual não foi a minha surpresa, quando - logo na página 29 - eu já tinha descoberto tudo o que tinha para ser descoberto a respeito dessa história?

Sério, aquela sinopse e o primeiro capítulo já são uma grande pista de tudo o que está acontecendo na vida de Emma. E por se tratar de um romance, uma garota tem certas expectativas: a mocinha deve ficar com o cara que salvou a sua vida, o cara com o qual ela divide uma conexão inabalável, certo? Aparentemente, temos dois desses espécimes na história, então... o que fazer? Ler!

#Lançamentos: Arqueiro & Sextante


A Arqueiro e a Sextante estão com muitos lançamentos interessantes para o mês de julho! Venha conferir os próximos lançamentos e aproveite para aumentar sua lista de desejados!! ;)


Arqueiro


A Longa e Sombria Hora do Chá da Alma, de Douglas Adams

Kate Schechter devia ter prestado atenção aos avisos que o universo tentava lhe dar. No aeroporto de Heathrow, prestes a embarcar para a Noruega, a americana pensa em todos os sinais que lhe diziam para não fazer aquela viagem. Ainda assim, ela não está nem um pouco preparada para a explosão do balcão de check-in, que destrói parte do terminal.
Enquanto isso, no norte de Londres, o detetive Dirk Gently está no fundo do poço: sem dinheiro, vive de bicos como quiromante numa tendinha. Refletindo sobre seu fracasso, ele lembra de repente que, na verdade, tem um cliente e está absurdamente atrasado para o encontro aquela manhã.
Porém, o investigador chega tarde demais. Sentindo-se culpado pela sina do homem, ele resolve mais uma vez fazer uso da interconexão de todas as coisas e vê uma ligação do seu caso com os estranhos eventos no aeroporto.
Abrindo caminho em meio aos elementos mais absurdos, Dirk se depara com uma máquina de refrigerante que aparece nos lugares mais improváveis, uma águia hostil que insiste em atacá-lo, um hospital sinistro para casos exóticos, horóscopos insultuosos e uma calculadora de I Ching.
Neste delicioso livro que dá continuação à série de Dirk Gently, o leitor se surpreenderá ao observar como todas as peças do quebra-cabeça se encaixam para formar uma trama genial e hilária.

Meio Rei - Mar Despedaçado #01

Autor: Joe Abercrombie
Título Original: Half a King

Tradução: Alves Calado
Série: Mar Despedaçado
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Onde Encontrar: AmazonBr | Submarino | Livraria Cultura


| Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro |
Sinopse: Filho caçula do rei Uthrik, Yarvi nasceu com a mão deformada e sempre foi considerado fraco pela família. Num mundo em que as leis são ditadas por pessoas de braço forte e coração frio, ser incapaz de brandir uma espada ou portar um escudo é o pior defeito de um homem. Mas o que falta a Yarvi em força física lhe sobra em inteligência. Por isso ele estuda para ser ministro e, pelo resto da vida, curar e aconselhar. Ou pelo menos era o que ele pensava. Certa noite, o jovem recebe a notícia de que o pai e o irmão mais velho foram assassinados e não lhe resta escolha a não ser assumir o trono. De uma hora para outra, ele precisa endurecer para vingar as duas mortes. E logo sua jornada o lança numa saga de crueldade e amargura, traição e cinismo, em que as decisões de Yarvi determinarão o destino do reino e de todo o povo. Joe Abercrombie nos apresenta um protagonista surpreendente, numa história de percalços e amadurecimento que abre a trilogia Mar Despedaçado.

Meio Rei é o primeiro livro de uma das trilogias de Joe Abercrombie, esta denominada Mar Despedaçado. Esse autor se destaca no meio da literatura fantástica, especificamente no subgênero dark fantasy, e seus livros sempre são muito bem resenhados e indicados em diversos blogs, bem como plataformas de leitura, como o skoob ou o goodreads. Sem dúvida que o anseio por ler uma obra dele já havia me tocado há tempos, e jaz em minha estante sua outra trilogia publicada também pela Editora Arqueiro, A Primeira Lei, cujos livros já estavam em meu cronograma de leituras para 2016. Mas surgiu a oportunidade de ler Meio Rei, um lançamento, e a agarrei de primeira. Não me arrependi.

Neste primeiro volume, somos apresentados ao protagonista, Yarvi, príncipe de Gettland, um dos reinos situados no Mar Despedaçado. O jovem não é o príncipe herdeiro, para alegria de seus pais, pois Yarvi nasceu com uma deficiência. Uma de suas mãos sofreu uma malformação e é deformada. Incapaz de portar armas com a mesma eficiência do irmão mais velho, herdeiro e orgulho do pai, o jovem caçula ansiava por seu destino se tornando aprendiz de ministro, um dia herdando o cargo e podendo ser então conselheiro do rei. Mas o destino é implacável, é o que dizem.

Resultado Top Comentarista #Junho + Top Comentarista de Aniversário - #Julho!


Olá leitores e leitoras!! Junho, um dos meses mais apaixonantes do ano, se foi e com ele o nosso Top Comentarista de Junho se encerra também. Tivemos um mês muito bom para o blog, com novas parcerias e sorteios vindo por aí, porque Julho é o nosso Aniversário!! \oooo/

Obrigada pela participação de todos, suas visitas e comentários, opiniões e troca de experiências com as leituras são muito boas pra nós, amamos. Vamos descobrir quem será a sortuda que levará pra casa Sedução de Seda e Como Eu Era Antes de Você? :)

Qualquer Outro Lugar - Splintered #03

Autora: A. G. Howard
Título original: Ensnared
Tradução: Denise Tavares Gonçalves
Série: Splintered
Editora: Novo Conceito
Páginas: 416
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em parceria com a editora Novo Conceito |

Sinopse: Alyssa está tentando entrar novamente no País das Maravilhas. Os portais para o reino se fecharam, não sem antes levarem sua mãe. Jeb e Morfeu estão presos em Qualquer Outro Lugar, reino em que intraterrenos expulsos do País das Maravilhas estão vivendo.
Para resgatá-los, ela precisa recorrer à ajuda de seu pai. Juntos, eles iniciam uma missão quase impossível para tentar resgatar entes queridos, restaurar o equilíbrio dos reinos e o lugar dela como Rainha.
Alyssa precisa lutar não só com a Rainha Vermelha, um espírito malicioso que tem a intenção de refazer o País das Maravilhas à própria imagem, mas também reconstruir seu relacionamento com Jeb, o mortal que ela ama, e Morfeu, o ser fantástico que também reivindica seu coração.
E, se todos tiverem sucesso e saírem vivos, eles poderão finalmente ter o felizes para sempre.

Chegamos enfim ao derradeiro final da trilogia Splintered escrita pela incrível A. G. Howard!


No primeiro livro, O Lado Mais Sombrio (Resenha), Alyssa Gardner vai até o País das Maravilhas para salvar sua família de uma maldição e - depois de superar muitos desafios - se torna uma rainha! 

Mas em Atrás do Espelho (Resenha) - segundo livro -, após descobrir novos segredos sobre sua família e o País das Maravilhas, os inimigos de Alyssa aparecem no mundo humano querendo vingança e levando sua mãe, Jeb (seu namorado humano) e Morfeu (intraterreno que deseja conquistar seu coração) para longe de seu alcance.

Agora, em Qualquer Outro Lugar, Alyssa está decidida a salvar sua mãe - presa no País das Maravilhas -, Jeb e Morfeu - presos em Qualquer Outro Lugar, uma dimensão que mantém os intraterrenos que foram exilados do País das Maravilhas -, além de seu reino amaldiçoado pela rainha Vermelha! E para isso, Alyssa fará o que for preciso.

#Lançamentos: Grupo Editorial Record


Olá, leitores!
As férias estão chegando (para alguns) e não tem nada melhor que aumentar a lista dos livros desejados!! :D
Então, vamos conferir algumas das novidades mais interessantes do Grupo Editorial Record durante o mês de junho! São muitos lançamentos legais, então aproveite para escolher suas próximas leituras! ;)


Selo Bertrand Brasil


Frozen, de Melissa de la Cruz & Michael Johnston

Melissa e Michael criam um universo distópico em Frozen. A obra se passa em Nova Vegas, uma cidade outrora cheia de brilho, mas que atualmente é coberta de gelo. A protagonista, Natasha Kestal é uma jovem crupiê à procura de uma saída. Como muitos, ela ouviu falar de um lugar mítico simplesmente chamado de Azul, um paraíso onde o sol ainda brilha e as águas são turquesa — e um lugar onde Nat e seus semelhantes não serão perseguidos, mesmo que seu segredo mais obscuro venha à tona. Mas o caminho para o Azul é traiçoeiro, senão impossível de atravessar, e sua única chance é apostar em um grupo de mercenários liderados pelo arrogante Ryan Wesson para conduzi-la a seu destino. Ciladas e perigos os aguardam em cada esquina, à medida que Nat e Wes se veem atraídos um pelo outro.

A Sociedade de Santa Zita, de Ruth Rendell

Ambientado em uma pitoresca rua de Londres e com humor ácido, “A sociedade Santa Zita” tem no centro da trama pretensiosos moradores de classe média que levam uma vida aparentemente normal. No entanto, debaixo dessa camada superficial de tranquilidade, a relação entre patrões e empregados entra em combustão por meio de uma rede de intrigas e mistérios. O livro é de autoria de Ruth Rendell, vencedora de três Prêmios Edgar, quatro Adagas de Ouro e um Adaga de Diamante por sua extraordinária contribuição ao gênero crime e mistério. Ruth faleceu em 2015.

Estudos Sobre Fogo - As Lendas de Yelena Zaltana #03

Autora: Maria V. Snyder
Título original: Fire Studies
Tradução: Maurício Araripe
Série: The Sutdies Series
Editora: Harlequin
Páginas: 417
Onde encontrar (disponível em português apenas como livro digital): AmazonBr | Cultura | Saraiva

Sinopse: O aprendizado está encerrado. Chegou a hora do teste de verdade. A notícia de que Yelena é uma Descobridora de Almas capaz de aprisionar e libertar espíritos se alastra como fogo, e muitos ficam apreensivos. Como se suas raras habilidades e um passado condenável já não fossem o bastante para isolá-la, agora o Conselho irá decidir o destino de Yelena. Enquanto isso, ela recebe uma mensagem de alarmar: seu principal inimigo, um feiticeiro que ela havia subjugado, arquiteta uma conspiração contra sua terra natal… Por uma questão de honra, Yelena se vê obrigada a tomar o rumo que irá testar seu poder até o limite, porém a lembrança das pessoas que mais ama é o suficiente para encorajá-la. Ao longo de sua jornada, repleta de aliados, inimigos, amores e assassinos, Yelena sabe que não deve confiar em ninguém. Afinal, ela terá apenas uma oportunidade para salvar seu povo e sua terra.


Acho que é seguro dizer que essa foi a série que mais consumiu o meu tempo (além do meu interesse), e que esse livro em específico quase me matou de tanta ansiedade. Eu nunca quis que ele acabasse, mas trilogia é isso, mesmo; elas acabam e você fica querendo mais. Hoje acabamos As Lendas de Yelena Zaltana, e eu já estou morrendo de saudades. 

Depois de todos os mil e um problemas que Yelena enfrentou nos dois volumes anteriores, como algumas estações nas masmorras de Ixia, envenenamentos, uma porção de gente querendo matá-la, treinamentos e uma nova família, as coisas ficam mais sérias: os rumores de que é uma Descobridora de Almas poderosa começam a percorrer Sitia e preocupar o Conselho. Além de ter de lidar com sua nova reputação, precisa manter seu cargo como Oficial de Ligação entre os países inimigos, para tentar manter a paz, ameaçada por Cahil, agora um fugitivo.

A tensão é grande e a cada momento, novos perigos surgem, sendo que os conselhos misteriosos do Homem da Lua não bastam para ajudar Yelena a seguir seu caminho em segurança. Desse modo, ela deverá aprender a criar as alianças certas com as pessoas certas se quiser enfrentar seu maior medo — e derrotar o seu maior inimigo: o Deformador de Fogo, que está trabalhando junto com Ferde.

Falando assim, parece que Yelena nunca tem descanso, não é mesmo? 
— Yelena, você precisa voltar para uma visita decente — minha mãe instruiu. — Talvez depois que a sua vida se acalmar. — Ela pensou por um instante e acrescentou: — Talvez possa se planejar para nos visitar. Não vejo as coisas se acalmando para você por um bom tempo.
— Sabe disso devido à sua mágica?
— Não, minha querida. Devido à sua história.
P. 132

#Lançamentos: Editora Arwen




Olá, pessoal! Que tal alguns lançamentos de junho da Arwen? Fiquem ligados que esse mês tem resenha de Ninho de Fogo, de Camila Deus Dara!
Não deixem de nos contar o que acharam! 


De olhos fechados, de Tatiane Tálita

Sinopse: “Éramos perfeitos juntos e nada poderia nos separar, nossos corações estavam marcados para toda a eternidade”. Manoela Vieira
Quando a jovem e doce advogada recém-formada Manoela Vieira foi para a Conferência de direito penal na Suíça, literalmente esbarrou em seu destino: o infame e enigmático Enzo Barbieri, um homem muito poderoso e cheio de mistérios. Sem conseguir resistir à imensa atração, Manoela embarca em um romance intenso, arrebatador e quente. Pensando, por alguns instantes, estar vivendo uma história de amor, mal sabia Manoela que estava caindo em uma armadilha, mal sabia ela que sempre esteve de olhos fechados.
Do céu ao inferno, Manoela vai descobrir que Monstros não nascem, são criados e que nada é o que parece. Já o infame Capo vai descobrir que no amor não há jogo, que não há espaço para mentiras… e que ele vale mais do que todo o poder.
“O amor é para os fracos e tolos. Com toda certeza, não sou nenhum dos dois”. Enzo Barbieri.

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook