O Mar de Monstros - PJ #02

Autor: Rick Riordan 
Título Original: The Sea of Monsters
Tradução: Ricardo Goveia
Série: Percy Jackson
Editora: Intrínseca 
Páginas: 286
Onde encontrar: Saraiva | Extra | AmazonBR
Sinopse: Segundo volume da saga Percy Jackson e os Olimpianos, O Mar de Monstros narra as novas aventuras de Percy e seus amigos na busca do Velocino de Ouro, o único artefato mágico capaz de proteger o Acampamento Meio-Sangue da destruição. É com essa missão que ele e outros campistas partem para uma eletrizante viagem pelo Mar de Monstros, onde deparam-se com seres fantásticos, perigos e situações inusitadas, que põem à prova seu heroísmo e sua herança. Está em jogo a existência de seu refúgio predileto e, até então, o lugar mais seguro do mundo para eles. Antes de tudo, porém, nosso herói precisará confrontar um mistério atordoante sobre sua família - algo que o fará questionar se ser filho de Poseidon é uma honra ou uma terrível maldição.

Retomei minha aventura pela escrita de Riordan em dezembro com Percy Jackson e o Ladrão de Raios no nosso Mês da FantasiaApesar de tantos meses depois, resolvi retomar a leitura e terminar essa série, afinal são cinco livros pequenos (pelo menos os Olimpianos; a série Os Heróis do Olimpo será resenhada pela Carol!). Falemos desse segundo volume, então? O Mar de Monstros... isso parece perigoso! 

A Última Estrela - A 5° Onda #03

Autor: Rick Yancey
Título Original: The Last Star
Tradução: Edite Siegert Sciulli
Série: A 5° Onda
Editora: Fundamento
Páginas: 264
Onde Encontrar: AmazonBR | Livraria Saraiva | Livraria Cultura

Sinopse: O inimigo são os Outros. O inimigo somos nós mesmos. Eles vieram até nós porque querem a Terra. Vieram para acabar conosco. Vieram para nos salvar. Eles não inventaram a morte, mas a aperfeiçoaram. Deram um rosto a ela, porque sabiam que era a única maneira de nos exterminar. Por quê? Quem são eles realmente? O que querem de verdade?Atrás de tantas perguntas e enigmas, há uma verdade: Cassie foi traída. Zumbi, Especialista, Nugget também. E todos os 7,5 bilhões de habitantes da Terra. Traídos pelos Outros, traídos por si mesmos. E tudo terminará onde começou no campo de batalha que é o coração humano. Nos últimos dias da Terra, os sobreviventes precisarão decidir o que é mais importante: salvar a si mesmos ou salvar o que nos torna humanos.
Do fenômeno mundial Rick Yancey, A Última Estrela invoca triunfo, perda e ações implacáveis nesta trama sensacional que narra como o destino da humanidade é decidido.

Já faz um tempo que li A Quinta Onda (Resenha), e também conferi o lançamento de O Mar Infinito (Resenha) alguns meses depois. Como disse nas resenhas anteriores, eu adoro esta saga e também admiro o autor, Rick Yancey. Estava muito ansiosa pelo desfecho e também por saber como ele amarraria todas as pontas e que fim daria aos meus queridos personagens. O filme, que foi lançado este ano, não chega aos pés da obra literária, e acreditava, antes de pegar o último volume, que Cassie, Zumbi, Sam e os outros mereciam um final fantástico e cinematográfico. Bem, nem tudo pode ter o glamour que queremos e imaginamos. Mas isso não quer dizer que não seja bom, justo ou ideal, de alguma forma.

Vamos a resenha! E pode ficar tranquilo, como todas aqui no blog, ela é SPOILER FREE (sem spoilers)! :)

Fevereiro - A Garota do Calendário #02

Autora: Audrey Carlan
Título original: Calendar Girl: February
Tradução: Andréia Barboza
Série: A Garota do Calendário
Editora: Verus
Páginas: 132
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa


| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record |

Sinopse: Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser...
Em fevereiro, Mia vai passar o mês em Seattle com Alec Dubois, um excêntrico artista francês. No papel de musa, ela vai embarcar em uma jornada de descobertas sexuais e lições sobre o amor e a vida que permanecerão com ela para sempre.

Vamos animar essa segunda-feira com mais um pouco de Mia Saunders?! ;)

Na resenha de Janeiro (clique aqui para ler o post completo) eu contei um geral bem detalhado sobre a série A Garota do Calendário e também sobre a autora, Audrey Carlan, além de detalhar a situação complicada que Mia está vivendo e que a fez se tornar uma acompanhante de luxo. 
Vale ressaltar novamente que Mia não se torna uma prostituta. Ela faz companhia a homens ricos, mas sexo não está incluso no pacote - a menos que ela queira. 

No primeiro mês do ano, Mia conheceu Wes - um dos roteiristas mais badalados de Hollywood e também um colírio para os olhos de todas as mulheres. A atração entre os dois foi grande e o relacionamento se aprofundou, mas Mia teve que partir no fim do mês para continuar a pagar a dívida de seu pai de 1 milhão de dólares ao agiota Blaine Pintero (que por acaso também é seu ex-namorado).

Space Needle é uma das maiores atrações turísticas de Seattle

Agora, em Fevereiro, Mia se encontra em Seattle - terra consagrada pela chuva, pelo Space Needle e por vampiros modernos que brilham - para passar um mês com o excêntrico artista Alec Dubois com a função de ser a nova musa inspiradora. Com um adendo: se ela topar posar nua para o francês, receberá 20 mil dólares de bônus!

Alec Dubois é único, excêntrico e francês. Ele também o completo oposto de Wes. Enquanto o roteirista encanta com seu charme americano, cabelos loiros, olhos verdes e corpo de surfista, o artista libera romantismo em cada palavra com sotaque que diz, além dos cabelos castanhos compridos (quase sempre presos em um coque), barba exuberante e olhos castanhos - com um corpo incrível também, vale ressaltar.

Janeiro - A Garota do Calendário #01

Autora: Audrey Carlan
Título original: Calendar Girl: January
Tradução: Andréia Barboza
Série: A Garota do Calendário
Editora: Verus
Páginas: 144
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em parceria com o Grupo Editorial Record |


Sinopse: Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser...
Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele.

Rufem os tambores!! 
Tam tam tam!!!
Aproveito o domingo tedioso para trazer às leitoras do #LOHS uma das resenhas mais esperadas dos últimos tempos!!
Tam tam tam!!!

Com mais de 3 milhões de cópias vendidas, a série A Garota do Calendário é sucesso absoluto no Estados Unidos e já foi traduzida para 15 idiomas diferentes! 
A autora, Audrey Carlan, depois de ler a trilogia 50 Tons de Cinza, pensou: “se essa mulher, uma mãe, pôde deixar o mundo corporativo para trás, escrever sua história - uma história que as pessoas puderam se conectar - por que eu não conseguiria?”

Foi assim que Audrey, mãe de dois meninos, começou a escrever (apenas depois que os filhos fossem para cama) e a publicar de forma independente a série de 12 livros que figurou as primeiras posições nas listas do New York Times e do Wall Street Journal. Audrey também escreveu outros sucessos como Falling Series (essa série dá enfoque a alguns personagens secundários da série A Garota do Calendário), Trinity Trilogy e Lotus House Series.

Capas dos 12 livros que completam a série

A Iza já deu uma pequena introdução à série em um post anterior (confira o post completo clicando aqui), mas vou contar mais detalhes - sem spoilers, obviamente - e também dar a opinião de alguém que já leu a série completa em inglês e agora está louca para reler tudo em português. ;)

#Especial: Harry Potter e a Pedra Filosofal Ilustrado


Hoje eu venho fazer um post muito especial para toda uma geração de fãs de Harry Potter! Como todos já devem ter visto nas redes sociais, a editora Rocco lançou aqui no Brasil no começo do mês de junho a versão ilustrada do primeiro livro do bruxinho mais famoso de todos os tempos: Harry Potter e a Pedra Filosofal.

Quem segue o blog há algum tempo já deve ter percebido que todas nós somos grandes fãs do bruxinho e já fizemos alguns posts especiais sobre a autora, J. K. Rowling (pode conferir aqui), sobre as criaturas desse universo fantástico (link para o post original aqui), além de fazer um super sorteio de Natal valendo o box completo da coleção (confira aqui). 

Mas se você não conhece a história ainda pode conferir a resenha do livro Harry Potter e a Pedra Filosofal aqui.


A história de J. K. Rowling foi ilustrada pelo britânico Jim Kay, ganhador da Kate Greenaway Medal, que fez um trabalho minucioso ao recriar o universo de Harry Potter em imagens e cores. 
E como eu tive muita sorte de nascer no dia 5 de junho, acabei ganhando essa linda edição ilustrada de presente de aniversário! *-*
Por isso, venho aqui dividir com vocês algumas páginas dessa obra tão bem trabalhada, com capa dura e miolo em papel couché. 
Espero que se apaixonem como eu! <3

O Primeiro Último Beijo




Autora: Ali Harris
Título Original: The First Last Kiss
Tradução: Sandra Martha Dolinsky
Editora: Verus
Páginas: 448
Onde encontrar: AmazonBr | Saraiva | Submarino

| Cortesia da Verus Editora |
Sinopse: O primeiro último beijo conta a história de amor de Ryan e Molly, de como eles se encontraram e se perderam diversas vezes ao longo do caminho. Na primeira vez em que eles se beijaram, Molly soube que ficariam juntos para sempre. Seis anos e muitos beijos depois, ela está casada com o homem que ama. Mas hoje Molly percebe quantos beijos desperdiçou, porque o futuro lhes reserva algo que nenhum dos dois poderiam prever…
Esta história comovente, bem-humorada e profundamente tocante mostra que o amor pode ser enlouquecedor e frustrante, mas também sublime. Na mesma tradição de P.S. Eu Te amo e Um Dia, O Primeiro Último Beijo vai fazer você suspirar e derramar lágrimas com a mesma intensidade.

Dedico esta resenha a todos que amaram, perderam e amaram novamente.

Começo essa resenha dizendo que me identifiquei num nível muito pessoal com esse livro. Motivos? Os anseios de Molly, nossa protagonista, conversaram comigo como há muito tempo um livro não fazia. Claro que eu amo de coração e alma outras séries, porém essa história foi diferente, talvez por não ser do gênero Fantasia. Nesse romance, a protagonista expressou coisas que eu sinto de forma tangível. E por meio da vida, das experiências, de todos os beijos de Molly, eu percebi outra alma que se parecia com a minha.

"Eu tinha acabado de sair da faculdade, era jovem, ambiciosa e estava pronta para conquistar o mundo." Molly, p. 151

O livro chegou aqui em casa depois do encontro de parceiros do Grupo Editorial Record, novamente eu agradeço ao Thiago por ser tão gentil. A sinopse já mostra que teremos um caminho lacrimoso pela frente, afinal, comparar esta história às de P. S. Eu te amo e Um Dia é pedir para que já o leiamos com lencinhos do lado (o que foi previsto e cuidado pela Verus; eles enviaram um kit com uma caderneta, uma caneta e um pacote de lenços. Tão espertos! Bom, vamos descobrir por que este é um dos livros mais tocantes que você lerá?

#Sorteio: Livro de marcar livros - Resultado!





Olá, pessoal! Querem saber que levou pra casa um exemplar de Livro de marcar livros?! 

Rufem os tambores! A sortuda foooooooooi....


O Lago das Sanguessugas - Desventuras em Série #03

Autor: Lemony Snicket
Título Originl: The Wide Window
Tradução: Carlos Sussekind
Série: A Series of Unfortunate Events
Editora: Seguinte
Páginas: 192
Onde encontrar: AmazonBrAmericanas | Cultura | Saraiva | Submarino

Sinopse: O misterioso autor das Desventuras em Série não só alcançou a lista de best-sellers infanto-juvenis do New York Times, como conseguiu entrar em todas as outras principais referências de vendagem americanas. Com sua estranha franqueza, na contracapa deste livro ele manda um recado a seus possíveis leitores: 'Se você ainda não leu nada sobre os órfãos Baudelaire, é preciso que antes mesmo de começar a primeira frase deste livro fique sabendo o seguinte: Violet, Klaus e Sunny são legais e superinteligentes, mas a vida deles, lamento dizer, está repleta de má sorte e infelicidade. Todas as histórias sobre essas três crianças são uma tristeza e uma verdadeira desgraça, e a que você tem nas mãos talvez seja a pior de todas. Se você não tem estômago para engolir uma história que inclui um furacão, uma invenção para sinalizar pedidos de socorro, sanguessugas famintas, caldo frio de pepinos, um horrendo vilão e uma boneca chamada Perfeita Fortuna, é provável que se desespere ao ler este livro. Continuarei a registrar essas histórias trágicas, pois é o que sei fazer. Cabe a você, no entanto, decidir se verdadeiramente será capaz de suportar esta história de horrores'. Respeitosamente.
Lemony Snicket.

Oi, gente! De volta com mais desventuras, agora chegamos no terceiro volume, o último que faz parte da adaptação cinematográfica. É nessa parte da história que os três Baudelaire conhecem a personagem interpretada por Meryl Streep, um dos poucos acertos que realmente encontrei no filme que já disse ter achado "bem mais ou menos": o trabalho de Streep foi muito bom, e creio que tenha capturado exatamente a personalidade da personagem original.

Dez pontos para Grifinória! Não, pera...

Inverno Negro #01

Autor: Stefano Sant'Anna
Série: Inverno Negro
Editora: Empíreo
Páginas: 352
Onde encontrar: Livraria Cultura | Loja da Empíreo | Saraiva | Travessa

| Livro cedido em parceria com a editora Empíreo

Sinopse: Leonan Albuquerque é um adolescente comum que morava com a mãe no Rio de Janeiro. Com sérios problemas para se socializar e sem amigos, Leo, além dos conflitos com a mãe, se sentia estranho e deslocado no meio dos garotos de sua idade.
A vida era muito sem graça, até que Leo recebe a estranha visita de um guerreiro de outro mundo que revela a verdade: A vida de Leonan na Terra era uma grande mentira. Principalmente a sua família!
Sem saber o que fazer e a quem recorrer, Leo segue com o guerreiro para o planeta onde ambos pertencem. Lá, o garoto descobre que é de uma família real: ele é o herdeiro de Starlândia. E o rei, o seu verdadeiro pai, está desaparecido. A busca por respostas e pela verdadeira família faz com que o jovem enfrente perigos que exigirão mais do que ele esperava ser capaz de enfrentar.
O príncipe, agora, tem que correr contra o tempo para dominar o poder do Éter e encontrar uma forma de salvar o rei e o seu verdadeiro lar, antes que a maldição do Inverno Negro arruíne o planeta onde o garoto nasceu, e que mal conhece.
E mais, Leo deve lutar pela própria sobrevivência, pois o príncipe de Starlândia está sendo caçado!

Eu sempre gostei de livros bonitos, confesso que já comprei alguns só pela capa, mas eu gosto mais ainda de ver um livro nacional bonito. Dá uma sensação de orgulho, sabe?
Então, eu gostaria de aproveitar para parabenizar a nossa editora parceira, Empíreo, pelo trabalho feito em Inverno Negro, primeiro livro do carioca Stefano Sant’Anna. A capa é um arraso e a diagramação interna (que tem um mapa do universo criado pelo autor, além de um glossário e um vocabulário para maior compreensão dos leitores) não fica para trás.

Conheci pessoalmente o Stefano Sant’Anna no evento parceiro do #LOHS, A Jornada do Herói, e pude conhecer um pouco mais sobre a longa criação dessa série com previsão de ser completa com quatro volumes. Stefano começou a escrever aos 15 anos, mas Inverno Negro demorou mais de sete anos para ficar pronto. O autor, agora com 25 anos, está começando a escrever o segundo título da quadrilogia e ainda não temos previsão de lançamento.

Por conhecer o autor pessoalmente, fiquei muito animada quando recebemos o livro da editora Empíreo e fui a primeira a colocá-lo na lista de leituras! 

Mapa do mundo criado pelo autor

#Mochilão da Record 2016 - São Paulo



Olá, leitores do #LOHS!!

Hoje eu tenho o prazer de contar um pouquinho mais sobre o #Mochilão da Record deste ano que foi comentadíssimo em todas as redes sociais e esteve presente em nove cidades brasileiras presenteando os fãs com muitos livros!!

O #Mochilão da Record teve início no fim do mês de maio no Rio de Janeiro e finalizou a turnê brasileira ontem (18/06) aqui em São Paulo, na livraria Saraiva do shopping Center Norte.

Devo dizer a vocês que passamos um pouco de nervoso no dia por conta dos fura-fila (que foram muuuuuitos) na hora de pegar a senha, mas como a editora já esperava muita gente eles fizeram duas sessões no mesmo dia. A primeira foi às 11h e a segunda às 15h. Graças às duas sessões, todos que estiveram lá conseguiram senha e puderam participar do evento.

A Senhora da Magia - As Brumas de Avalon #01

Autora: Marion Zimmer Bradley
Título Original: The Mists of Avalon
Tradução: Waltensir Dutra
Série: As Brumas de Avalon
Editora: Imago Editora
Páginas: 248
Onde Encontrar:
Livraria Cultura

Sinopse: O primeiro volume da série "As Brumas de Avalon" conta a lenda do rei Artur através das vidas, das visões e da percepção das mulheres que nela tiveram um papel central, revelando com as suas vidas e sentimentos, a lenda de Artur, como se fosse nova, e ao mesmo tempo levando o leitor a integrar-se na história, de maneira natural e profunda.

Olá leitores e leitoras!

Há muitos anos, no início da minha adolescência, me aventurei a ler uma quadrilogia que mudou minha visão a cerca de muitas coisas, inclusive, do poder feminino neste mundo. Adoro a lenda do Rei Arthur e os cavaleiros da Távola Redonda, já li mais de uma adaptação desta história, mas, por trás de toda lenda, existem muitas pessoas, e no caso destes livros, muitas mulheres.
As Brumas de Avalon, da falecida Marion Zimmer Bradley, eternizou na literatura o papel e o poder feminino em uma história onde o destaque sempre foi o grande Rei Arthur. Quero trazer para o blog e indicar para quem ainda não conhece ou nunca chegou a ler estes livros.

Neste primeiro volume, A Senhora da Magia, somos apresentados a três das quatro mulheres que se destacam ao longo da história: Igraine, Viviane e Morgana. E veremos a origem de Arthur, de Excalibur, e seus papéis no destino da Bretanha.

#Divulgação: A Garota do Calendário




Olá, pessoal! Hoje estou aqui para falar de Mia Saunders. Acredito que vocês já estejam acompanhando as redes sociais da Verus Editora há um tempo e podem ter percebido que muito trabalho e marketing focado nesse projeto. Basicamente eles estão apostando muito nessa série que fez um sucesso enorme lá fora! E estou aqui para dizer que a história vale todo o burburinho mesmo! Em breve, traremos as resenhas dos dois primeiros volumes para vocês! Por enquanto venham comigo para uma #Rapidinha!

O Arcano Nove - A Mediadora #02

Autora: Meg Cabot
Título Original: Ninith Key
Tradução: Alves Calado
Série: A Mediadora
Editora: Galera Record
Páginas: 272
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino


Sinopse: Em O Arcano Nove. segundo volume de A Mediadora — nova série de Meg Cabot iniciada com A terra das sombras —. Suzannah continua apaixonada por um sujeito de outro mundo. Literalmente. O fantasma do bonitão Jesse. que vive aparecendo em seu quarto. mexe com o coração da adolescente. Mas Tad Beaumont. o garoto mais descolado e rico da cidade. também entra no páreo. E com uma vantagem inegável: ele está vivo. O rapaz convida Suzannah para uma festa. onde ela pode ganhar seu primeiro beijo. Se pelo menos os dois não tivessem resolvido que o jardim de urtigas era o melhor lugar para o acontecimento.

Pois, é, gente, vamos continuar com mais uma série! Aposto que tem bastante gente interessada nessa, agora que nossa linda Meg Cabot lançou o mais novo volume dela, além de um conto extra! A Mediadora está de volta!

Bom, depois de finalmente mandar Heather pra longe — seja lá onde esse "longe" for —, Suze agora tem de se organizar com sua nova vida. A Califórnia segue sendo um grande desafio, ainda mais levando em consideração sua nova posição como vice-presidente da turma (isso depois de apenas dois dia no Colégio da Missão) e sua nova popularidade. E, claro, como nem tudo são rosas, ainda há os fantasmas: Jesse continua vivendo em seu quarto, tão misterioso como antes, e agora o fantasma de uma mulher apareceu berrando durante a noite, querendo mandar um recado:
— Diga a ele... — Ela enxugou o rosto com as mãos. — Diga que não foi culpa dele. Ele não me matou.
Essa era nova. Levantei as sobrancelhas.
— Dizer a ele que ele não matou você? —perguntei, só para ter certeza de que tinha ouvido direito.
Ela confirmou com a cabeça.
P. 19

No Seu Olhar

Autor: Nicholas Sparks
Título original: See me
Tradução: Alves Calado
Editora: Arqueiro
Páginas: 432
Onde encontrar: ArqueiroAmazonBR | Saraiva | Submarino | Extra 

|Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro

Sinopse: Filha de imigrantes mexicanos, Maria Sanchez é uma advogada inteligente, bonita e bem-sucedida que aprendeu cedo o valor do trabalho duro e de uma rotina regrada. Porém um trauma a faz questionar tudo em que acreditava e voltar para sua cidade natal, a pequena Wilmington.
A cidade também é o lugar que Colin Hancock escolheu para se dar uma segunda chance. Apesar de jovem, ele sofreu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Também cometeu sua parcela de erro e magoou mais gente do que gostaria. Agora está determinado a mudar de vida, tornar-se professor e dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve.
Colin e Maria não foram feitos um para o outro, mas um encontro casual durante uma tempestade mudará o rumo de suas histórias. Ao confrontar as diferenças entre os dois, eles questionarão as próprias convicções. E ao enxergar além das aparências, redescobrirão a capacidade de amar.
Porém, nessa frágil busca por um recomeço, o relacionamento deles é ameaçado por uma série de incidentes suspeitos que reaviva antigos sofrimentos. E quando um perigo real começa a se impor, Colin e Maria precisam lutar para que o amor sobreviva.
Com uma trama madura e repleta de emoções e de suspense, No seu olhar mostra que o amor às vezes é forjado em crises que ameaçam nos destruir e que o primeiro passo para a felicidade é acreditar em quem podemos ser.

Faz bastante tempo desde a última vez em que resenhei Nicholas Sparks para vocês aqui no LOHS. Logo, faz bastante tempo desde a última vez em que li um livro dele. Lembro que ganhei de aniversário Uma longa jornada, porém ele ainda está na estante. Com No seu olhar foi diferente; me interessei instantaneamente pela sinopse, pelos elogios que diziam que Maria e Colin eram as personagens favoritas de Nicholas, e - considerando o tanto de livros que ele escreveu - acredito que isso quer dizer alguma coisa, e pela capa: vocês repararam que não tem um casal quase se beijando?!

Eu reparei e por isso achei uma boa pedida! A Editora Arqueiro apostou alto na divulgação; quando solicitei o livro, como quem não quer nada, recebi na minha casa um caixa maravilhosa com mimos dentro.

Divulgação Editora Arqueiro

Não preciso dizer que amei, certo? Vamos agora à resenha; espero que vocês também gostem!

A Rebelde do Deserto #01

Autora: Alwyn Hamilton
Título original: Rebel of the Sands 
Tradução: Eric Novello
Série: A Rebelde do Deserto
Editora: Seguinte
Páginas: 288
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

| Livro cedido em parceria com a editora Seguinte, selo do grupo Companhia das Letras

Sinopse: O deserto de Miraji é governado por mortais, mas criaturas míticas rondam as áreas mais selvagens e remotas, e há boatos de que, em algum lugar, os djinnis ainda praticam magia. De toda maneira, para os humanos o deserto é um lugar impiedoso, principalmente se você é pobre, órfão ou mulher.
Amani Al’Hiza é as três coisas. Apesar de ser uma atiradora talentosa, dona de uma mira perfeita, ela não consegue escapar da Vila da Poeira, uma cidadezinha isolada que lhe oferece como futuro um casamento forçado e a vida submissa que virá depois dele.
Para Amani, ir embora dali é mais do que um desejo — é uma necessidade. Mas ela nunca imaginou que fugiria galopando num cavalo mágico com o exército do sultão na sua cola, nem que um forasteiro misterioso seria responsável por revelar a ela o deserto que ela achava que conhecia e uma força que ela nem imaginava possuir.

A Rebelde do Deserto é o romance de estreia da canadense - que hoje vive em Londres - Alwyn Hamilton. Sua história é sucesso mundial e já foi publicada em 11 países! 
No Brasil, o livro é publicado pela editora Seguinte, que tomou cuidado em deixar a capa maravilhosa e alguns detalhes simbólicos nas páginas! *-*

O livro apresenta uma fantasia em uma cultura que não é muito conhecida por nós, ocidentais, e isso torna o enredo ainda mais intrigante e diferente.


A protagonista, Amani Al’Hiza, é mulher, órfã e pobre. Ou seja, em seu país - Miraji -, ela não tem importância alguma. A garota tem uma vida difícil com a família da tia (irmã da mãe) desde que seus pais morreram, mas ela não perdeu as esperanças. Seu sonho é ir embora da Vila da Poeira para a capital, Izman, onde vive outra tia sua que nunca conheceu e que prometia uma vida muito melhor na cidade para sua mãe (enquanto ela ainda era viva).

Atrás do Espelho - Splintered #02

Autora: A. G. Howard
Título original: Unhinged
Tradução: Denise Tavares Gonçalves
Série: Splintered
Editora: Novo Conceito
Páginas: 400
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa

Sinopse: Em O Lado Mais Sombrio, a releitura dark de Alice no País das Maravilhas, Alyssa Gardner foi coroada Rainha, mas acabou preferindo deixar seus afazeres reais para trás e viver no mundo dos humanos. Durante um ano ela tentou voltar a ser a Alyssa de antes, com seu namorado, Jeb, sua mãe, que voltou para casa, seus amigos, o baile de formatura e a promessa de ter um futuro em Londres.
No entanto, Morfeu, o intraterreno sedutor e manipulador que povoa os sonhos de Alyssa, não permitirá que ela despreze o seu legado. O mesmo vale para o País das Maravilhas, que parece não ter superado o abandono.
Alyssa se vê dividida entre dois mundos: Jeb e sua vida como humana... e a loucura inebriante do mundo de Morfeu. Quando o reino delirante começa a invadir sua vida real, Alyssa precisa encontrar uma forma de manter o equilíbrio entre as duas dimensões ou perder tudo aquilo que mais ama.

Atrás do Espelho é o segundo livro da trilogia Splintered, escrita por A. G. Howard. Sendo que o primeiro (O Lado Mais Sombrio) e o terceiro (Qualquer Outro Lugar) já foram publicados pela editora Novo Conceito aqui no Brasil. Aproveito para parabenizar mais uma vez a editora que manteve o mesmo cuidado na diagramação do segundo volume, criando mais um livro esteticamente lindo que combina muito bem com essa fantasia incrível.

No primeiro livro da série, a protagonista Alyssa descobriu a existência do País das Maravilhas e segredos sobre sua origem, além de vencer diversos desafios e derrotar a Rainha Vermelha - se tornando também rainha do País das Maravilhas.
Mas tudo que Alyssa sempre quis foi uma vida comum no mundo dos humanos e por isso abriu mão da coroa para poder viver com sua família e amigos. 

Atrás do Espelho começa um ano após a fantástica viagem de Alyssa ao País das Maravilhas e a vida da garota está praticamente perfeita! Sua mãe voltou a viver em casa, a família está feliz e Alyssa está para completar um ano de namoro com Jeb - seu amor de infância. Os dois têm planos para viver em Londres após a formatura dela, sendo que Jeb já está formado e trabalhando duro para juntar dinheiro para que ambos possam ir para outro país.

O Quarto Dia

Autora: Sarah Lotz
Título Original: Day Four: A Novel
Tradução: Alves Calado
Editora: Arqueiro
Páginas: 352
Onde Encontrar: AmazonBr | Submarino | Livraria Cultura


| Livro cedido em parceria com a Editora Arqueiro |

Sinopse: Em O Quarto Dia, Sarah Lotz conduz o leitor por uma viagem de réveillon que tinha tudo para ser perfeita. Mas às vezes o novo ano reserva surpresas desagradáveis... Janeiro de 2017. Após cinco dias desaparecido, o navio O Belo Sonhador é encontrado à deriva no golfo do México. Poderia ser só mais um caso de falha de comunicação e pane mecânica... se não fosse por um detalhe: não há uma pessoa viva sequer no cruzeiro. As autoridades acham indícios de uma epidemia de norovírus, mas apenas descobrem os corpos de duas passageiras. Para piorar, todos os registros e gravações de bordo sofreram danos irreparáveis. Como milhares de pessoas podem ter sumido sem deixar rastro? Teorias da conspiração se alastram, mas só há uma certeza: 2.962 passageiros e tripulantes simplesmente desapareceram no mar do Caribe.

O Quarto Dia foi meu primeiro livro da autora, Sarah Lotz. Os Três, seu primeiro livro também lançado pela Editora Arqueiro, narra um mistério envolvendo quatro aviões que caem misteriosamente. Neste volume, que não possui relação direta com Os Três (você não precisa ler o primeiro para ler este volume), o cenário é um navio, que parte em um cruzeiro no meio do oceano, onde outros acontecimentos misteriosos aguardam os três mil passageiros.

O Belo Sonhador é um grande navio, que no réveillon de 2017 parte em mais uma de suas viagens mar adentro, com destino final em Miami. Após passar dias desaparecido, o navio é encontrado e seus passageiros, os três mil, encontram-se desaparecidos. O que aconteceu a todos é um mistério. Um mistério que acompanharemos passo a passo na narrativa de Sarah Lotz.

#Literatura nas Telas: Warcraft - O Primeiro Encontro de Dois Mundos

Ano: 2016
Diretor: Duncan Jones
Duração: 2h 03 min
Gênero: Ação, Aventura, Fantasia
Elenco: Travis Fimmel, Ben Foster, Paula Patton, Daniel Wu, Dominic Cooper, Ben Schnetzer.

Sinopse: O mundo pacífico de Azeroth está à beira de uma guerra enquanto sua civilização enfrenta uma raça temível de invasores: guerreiros Orcs fugindo de sua casa moribunda para colonizar um novo lugar. Enquanto um portal se abre para conectar os dois mundos, um exército enfrenta destruição e o outro enfrenta a extinção. De lados opostos, dois heróis são colocados em um caminho de colisão que irá decidir o destino de suas famílias, seu povo e seu lar. Então, uma saga espetacular de poder e sacrifício começa, onde a guerra tem muitas faces, e todos lutam por algo.


Esta crítica NÃO CONTÉM SPOILERS - Não se preocupe!

Warcraft representa uma poderosa franquia de games. Surgiu em 1994 e se concretizou como um dos primeiros jogos de estratégia, o que viria a se tornar o gênero mmorpg, um modo de jogo online. Inicialmente chamado de Warcraft: Orcs and Humans (Warcraft: Orcs e Humanos), o jogo consistia na guerra entre o povo orc, as chamadas Hordas, contra os humanos, que chamavam seu exército de Aliança. O filme é inspirado nesse início do mundo de Warcraft.
Em 2004, o jogo se concretizou no modo online, chamado agora de World of Warcraft, e com inúmeras possibilidades de jogo, muitas raças e personagens icônicos. Por mais de duas décadas, a Blizzard conquistou os corações de seus jogadores e gamers. E agora, busca seu espaço na indústria cinematográfica com Warcraf: O Primeiro Encontro de Dois Mundos.

Brincando Com Fogo - Sr. Ardiloso Cortês #02

Autor: Derek Landy
Título Original: Skulduggery Pleasent: Playing with Fire
Tradução: Edmo Suassuna
Editora: Galera Record
Páginas: 320
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Sumbarino

Sinopse: Ardiloso Cortês e Valquíria Caos provaram formar uma dupla afiada e conseguiram tornar o mundo um lugar seguro novamente. Pelo menos é nisso que os dois acreditam até o infame Barão Vingança fugir da prisão... O Barão está à procura de uma armadura mortal que permitirá que ele liberte os Sem Rosto e destrua o mundo que conhecemos. É claro que o detetive-esqueleto está pronto para impedir que o Mal triunfe, mas conseguirá proteger os que estão do seu lado?

Estou de volta com Ardiloso! Espero que tenham gostado do primeiro, já que o final deixa uma margem bem grande para continuações.

Ah, e também espero que tenham — de fato — anotado os nomes dos personagens, porque é aqui que a brincadeira começa a ficar mais difícil.

Ardiloso e Stephanie, agora Valquíria Caos, conseguiram encontrar o Cetro dos Antigos, deter os perigos de Nefasto Serpênteo e, uma das melhores notícias, descobrir que Valquíria tem poderes! Com uma horda de amigos pronta para o próximo perigo, nossa dupla agora enfrenta novos desafios: Barão Vingança, o vilão da vez, junto com Billy  Ray Sanguíneo e o vampiro Crepúsculo, está à procura da armadura de Lorde Vil e junta um exército de zumbis, os Infectados, para poder liberar os terríveis deuses Sem-Rosto. Tudo isso enquanto Valquíria precisa aprender a lutar e se defender, com Tanith, a controlar sua magia, com Ardiloso, e esconder sua segunda vida de seus pais.

Acredito que o humor permaneça o mesmo do livro anterior: afiado, bem dosado e hilário. Derek Landy mantém as piadas na falsa ingenuidade de Ardiloso e seus diálogos com a menina. 
— Dos Infectados eu dou conta.
Valquíria franziu o cenho novamente.
— E Vingança? Quero dizer, você  pode derrotá-lo, não pode?
— Bem, eu certamente posso tentar — informou Ardiloso. — E tentar é metade da batalha.
— Qual é a outra metade?
O detetive deu de ombros.
— Acertá-lo mais vezes do que ele conseguir me acertar.
P. 152

#Lançamentos: Arqueiro & Sextante


Já estamos em junho e a Arqueiro e a Sextante estão com muitos lançamentos interessantes! Confira os próximos lançamentos do mês e aproveite para aumentar sua lista de desejados!! ;)


Arqueiro


Meio Rei, de Joe Abercrombie

Sinopse: Ganhador do prêmio Locus, Meio rei foi considerado, em 2014, uma das 5 melhores obras de fantasia pelo The Washington Post e um dos 10 melhores livros para jovens pela Time. 
Jurei vingar a morte do meu pai. Posso até ser meio homem, mas sou capaz de fazer um juramento por inteiro.
Filho caçula do rei Uthrik, Yarvi nasceu com a mão deformada e sempre foi considerado fraco pela família. Num mundo em que as leis são ditadas por pessoas de braço forte e coração frio, ser incapaz de brandir uma espada ou portar um escudo é o pior defeito de um homem. 
Mas o que falta a Yarvi em força física lhe sobra em inteligência. Por isso ele estuda para ser ministro e, pelo resto da vida, curar e aconselhar. Ou pelo menos era o que ele pensava. 
Certa noite, o jovem recebe a notícia de que o pai e o irmão mais velho foram assassinados e não lhe resta escolha a não ser assumir o trono. De uma hora para outra, ele precisa endurecer para vingar as duas mortes. E logo sua jornada o lança numa saga de crueldade e amargura, traição e cinismo, em que as decisões de Yarvi determinarão o destino do reino e de todo o povo. 
Joe Abercrombie nos apresenta um protagonista surpreendente, numa história de percalços e amadurecimento que abre a trilogia Mar Despedaçado.

A Garota Italiana, de Lucinda Riley

Sinopse: Uma inesquecível história de amor, traição, paixão, obsessão e música.
Aos 11 anos, Rosanna Menici vê sua vida transformada para sempre quando conhece Roberto Rossini, um jovem cantor de ópera.
Depois desse único encontro, ela se deixa guiar pelo próprio talento e embarca numa viagem que, ao longo dos anos, a leva de uma vida simples em Nápoles para os palcos das mais famosas óperas do mundo.
É então que seu caminho cruza novamente com o de Roberto. Arrebatados pela paixão, eles passam a dividir os holofotes e a encantar as plateias onde quer que se apresentem.
No entanto, segredos do passado ameaçam a felicidade do casal e seu relacionamento quase obsessivo começa a afetar a carreira de Rosanna e a vida de todos à sua volta. Com Roberto, ela se vê perdida numa paixão que a consome e sem a qual não pode viver.
Com cenários deslumbrantes e diálogos emocionantes, A garota italiana narra uma jornada de autodescoberta e dedicação à arte e nos lembra que o amor não faz desistir dos sonhos: ele nos dá forças para sonhar mais.

Harry Potter e o Cálice de Fogo - HP #04

Autora: J. K. Rowling 
Título original: Harry Potter and the Golbet of Fire
Tradução: Lia Wyler
Série: Harry Potter
Editora: Rocco
Páginas: 535
Onde encontrar: Submarino 

Sinopse: É tempo de férias de verão e, certa noite, Harry Potter acordou com a cicatriz ardendo intensamente. Teve um sonho estranho, sobre o qual não conseguiu parar de pensar, até receber aquele convite dos Weasley para assistir à Copa Mundial de Quadribol.
Não foi fácil convencer seu Tio Válter a deixá-lo passar o resto das férias na casa da família Weasley, mas, ultrapassada esta barreira, Harry começa a vibrar com todos as emoções que envolvem um jogo internacional de quadribol. A magia acontece… e é real o deslumbramento de nosso bruxinho diante das extraordinárias equipes que se confortam numa emocionante partida. No entanto, uma coisa terrível acontece e lança uma sombra sobre tudo.
O recomeço de mais um ano letivo na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts vem amenizar os temores de Harry e seus amigos.. Mas um evento que reúne várias escolas vai testá-los: estarão eles prontos para tudo que lhes é reservado? 

O quarto livro é um dos meus momentos preferidos na série depois de o Prisioneiro de Azkaban. Lembro-me de uma época, depois de ter lido os livros pela primeira vez, em que eu simplesmente precisava re-assistir ao filme e corri para a locadora (sim, posso dizer que eu vivi o último suspiros das locadoras físicas!); felizmente pude fazer isso sem precisar sair do conforto da minha casa, apenas utilizando o maravilhoso Netflix. Em o Cálice de Fogo é quando tudo começa a mudar, afinal não serão apenas pequenos ataques aleatórios acontecer, o próprio Lorde Voldemort atacará
"- Tenho minhas razões para usar o garoto, como já lhe expliquei, e não vou usar mais ninguém. Esperei treze anos. Mais uns meses não me farão diferença. Quanto à proteção que rodeia o garoto, creio que meu plano funcionará. É preciso apenas um pouco de coragem de sua parte, Rabicho, e você encontrará coragem, a menos que queria sentir o peso da cólera de Lorde Voldemort.", p. 15

Resultado Top Comentarista de #Maio + Top Comentarista de #Junho!


Olá leitores e leitoras! Maio foi um mês muito bom para nós, com resenhas de livros maravilhosos e que gostamos muito. Espero que tenham gostado também!

Obrigada pela participação e pelos comentários, adoramos e lemos todos com carinho. Os livros do Top Comentarista de Maio foram: "A Rebelde do Deserto" e "E Se For Você?", e temos certeza que o(a) ganhador(a) irá aproveitar muito os livros. :)

Vamos ao resultado!? 

Alma? - O Protetorado da Sombrinha #01

Autora: Gail Carriger
Título original: Soulless
Tradução: Flávia Carneiro Anderson
Série: O Protetorado da Sombrinha
Editora: Valentina
Páginas: 308
Onde encontrar: AmazonBr | Americanas | Cultura | Saraiva | Submarino | Travessa
Sinopse: Alexia Tarabotti enfrenta uma série de atribulações sociais, quiproquós e saias justas (embora compridíssimas) em plena sociedade vitoriana. Em primeiro lugar, ela não tem alma. Em segundo, é solteirona e filha de italiano. Em terceiro, acaba sendo atacada sem a menor educação por um vampiro, o que foge a todas as regras de etiqueta.
E agora? Pelo visto, tudo vai de mal a pior, pois a srta. Tarabotti mata sem querer o vampiro ― ocasião em que a Rainha Vitória envia o assustador Lorde Maccon (temperamental, bagunceiro, lindo de morrer e lobisomem) para investigar o ocorrido.
Com vampiros inesperados aparecendo e os esperados desaparecendo, todos parecem achar que a srta. Tarabotti é a responsável. Será que ela conseguirá descobrir o que realmente está acontecendo na alta sociedade londrina? Será que seu dom de sem alma para anular poderes sobrenaturais acabará se revelando útil ou apenas constrangedor? No fim das contas, quem é o verdadeiro inimigo, e... será que vai ter torta de melado?
Uma das séries de Steampunk mais cultuada do mundo.

Devo começar contando que quero trazer essa resenha para os leitores do #LOHS há muito tempo! Infelizmente demorei mais do que pretendia, mas como diz o ditado “antes tarde do que nunca”, não é mesmo?! ;)

Alma?, escrito por Gail Carriger, é o primeiro livro da série O Protetorado da Sombrinha que já está completa com cinco títulos publicados lá fora, além de já ter sido transformada em graphic novel! (Estou desejando MUITO os mangás!! *-*) 
Aqui no Brasil a coleção está sendo publicada pela editora Valentina, sendo que os quatro primeiros volumes (Alma?, Metamorfose?, Inocência? e Coração?) já estão disponíveis em todo o país. 

Pintura de James Tissot criada em 1876
A série faz parte do gênero Steampunk, um subgênero da ficção científica que trata de obras ambientadas no passado, mas com uma tecnologia muito além da época. Como exemplo temos os clássicos de Julio Verne, nos quais ele apresenta uma evolução a níveis impossíveis da tecnologia mecânica a vapor para o século XIX. Para quem deseja um exemplo mais moderno, temos a maravilhosa trilogia Peças Infernais (Anjo Mecânico, Príncipe Mecânico e Princesa Mecânica) escrita por Cassandra Clare

Para explicar um pouquinho melhor o universo criado por Gail Carriger, devo avisar que na época retratada (década de 1870), os sobrenaturais (vampiros, lobisomens e fantasmas) são conhecidos pela população comum de seres humanos e são bem aceitos, sendo que alguns sobrenaturais até têm títulos de nobreza! Aliás, esses seres foram responsáveis pelo desenvolvimento da tecnologia inglesa e também do poder bélico que dominou quase que o mundo todo durante um grande período da História.

#Lançamentos: Grupo Editorial Record


Olá, leitores!
Vamos começar bem o mês conferindo algumas das novidades mais interessantes do Grupo Editorial Record durante o mês de maio! São muuuuuitos lançamentos legais, então aproveite para escolher suas próximas leituras! ;)


Selo Bertrand Brasil


À Margem do Lago, de Sara Gruen

Sinopse: Adorada por autoras como Jodi Picoult e Kathryn Stockett, a canadense Sara Gruen já vendeu mais de 10 milhões de livros. Seu romance mais famoso, “Água para Elefantes”, ganhou uma versão cinematográfica com Reese Witherspoon no elenco. Nesta nova obra, Gruen conta a história de Madeline Hyde, uma mulher que segue, contra a vontade, para um vilarejo nas Terras Altas da Escócia, onde o marido e um amigo pretendem caçar o famoso monstro do Lago Ness. Enquanto os dois se aventuram, Maddie fica sozinha em uma hospedaria, na qual, devido ao avanço da Segunda Guerra, a comida é racionada e o combustível é escasso. Apesar disso, ela se apaixona pela magia do lugar. Aos poucos, conhece os habitantes, faz amizades, repensa valores. E descobre por fim que monstros podem surgir de onde menos se espera.

Arena 13, de Joseph Delaney

Sinopse: Após o sucesso da série “O Caça Feitiço”, que já vendeu mais de 100 mil exemplares no Brasil, Joseph Delaney mostra mais uma vez o seu talento dentro do universo fantástico, desta vez com Arena 13. A nova trilogia do autor, que esteve no Brasil para a Bienal do Rio de Janeiro de 2015, conta a história de Leif, um jovem que tem uma única ambição: tornar-se o melhor lutador da famosa Arena 13. Lá, os espectadores apostam em qual lutador vai derramar sangue primeiro. E, em ajustes de contas, apostam em qual lutador vai morrer. Mas a região é aterrorizada por Hob, um ser maligno que se deleita torturando a população e exibe o seu poder devastador desafiando combatentes da Arena 13 a lutas até a morte quando bem entende. E isso é exatamente o que Leif quer, pois ele conhece bem os crimes de Hob. E, no cerne da sua ambição, arde o desejo de vingança. Leif procura revanche contra o monstro que destruiu a sua família. Mesmo que isso lhe custe a vida.

Fuga da Biblioteca do sr. Lemoncello, de Chris Grabenstein

Sinopse: Após doze anos, finalmente a biblioteca municipal de Alexandriaville abrirá as portas ao público. E o seu maior benfeitor é ninguém menos que o excêntrico Luigi Lemoncello: milionário criador de uma série de jogos eletrônicos e de tabuleiro, que são sensação entre os jovens. Para celebrar a abertura, doze adolescentes são selecionados para passar a noite na biblioteca e conhecê-la em primeira mão. Porém, ao amanhecer, as portas do local estão trancadas e, para descobrir a saída, os personagens precisarão decifrar os enigmas espalhados pelas prateleiras.

Cidades de Dragões - Legado Ranger #02


Autor: Raphael Draccon
Série: Legado Ranger
Editora: Rocco (Selo Fantástica)
Páginas: 320
Onde Encontrar: AmazonBr | Submarino | Livraria Cultura

Sinopse: Após lutarem grandes batalhas em Cemitérios de Dragões, Derek, Daniel, Romain, Amber e Ashanti estão de volta à realidade em Cidades de Dragões, segundo livro da série Legado Ranger, estreia de Raphael Draccon pelo selo Fantástica Rocco. Depois de terem sido enviados para outra dimensão, os cinco agora tentam seguir com suas vidas na Terra, mas quando dragões começam a aparecer em diferentes pontos do planeta, deixando um rastro de destruição e morte, eles se veem obrigados a assumir sua responsabilidade e iniciam uma nova batalha que já ultrapassa a barreira entre as dimensões e que pode significar o fim da humanidade ou a sua salvação. Repleto de ação e referências a séries japonesas que marcaram toda uma geração, Cidades de Dragões é a sequência perfeita para uma saga de fantasia épica.

Olá leitores e leitoras. Hoje trago para vocês a resenha do segundo livro de uma trilogia nacional muito diferente de tudo o que você anda lendo por aí, tenho certeza. Vamos falar um pouco do primeiro livro, mas você também pode conferir a resenha explicadíssima e sem spoilers aqui! :)

Cemitérios de Dragões foi o primeiro volume da trilogia Legado Ranger, escrita pelo Raphael Draccon, também autor de Dragões de Éter (sim, ele ama dragões, eu amo dragões, todos amam dragões), e narra a história de cinco personagens: Amber, Derek, Romain, Daniel e Ashanti que entram em coma aqui na Terra por diversos motivos, e acordam em um mundo mágico tomado por raças dracônicas, por guerreiros e criaturas magníficas, mas também pelo caos em si. Este mundo os reserva uma tarefa nobre e corajosa: se tornarem Rangers (uma espécie de P-O-W-E-R _ R-A-N-G-E-R-S!!). Vocês precisam ler a primeira resenha, porque, meus caros leitores, esse livro é de jogar qualquer um na BR. Sério.

Seguidores

No Instagram @bloglohs

Vem pro Facebook